Stock Car: Após corrida acidentada, Shell já pensa na rodada dupla de domingo em Curitiba

Redação Motorsport.com
·5 minuto de leitura

Em uma prova marcada pelos diversos incidentes de pista, os pilotos da Shell tiveram um sábado difícil na corrida única pela oitava etapa da Stock Car, em Curitiba. Ricardo Zonta foi o único a completar a prova, na 12ª colocação, enquanto Átila Abreu, Galid Osman e Gaetano di Mauro abandonaram.

Zonta segue na disputa direta pelo título e ocupa o terceiro lugar na tabela, com 167 pontos, apenas 13 a menos do que o líder. Por regulamento, os três piores resultados de cada piloto ainda serão eliminados antes da decisão do campeonato, e Zonta também é o terceiro se levados em conta os descartes, nove pontos atrás do líder.

Leia também:

Stock Car: Camilo vence em Curitiba após grande batalha com Salas Stock Car: Emocionado, Camilo dedica vitória a Amadeu Rodrigues em Curitiba

Em uma classificação equilibrada, Galid e Gaetano foram ao Q2 e largaram em 14º e 15º, com Átila em 18º e Zonta em 20º. Após uma largada complicada, Galid recebeu contato de outro concorrente na chicane e teve de abandonar a disputa, enquanto Gaetano passou em 16º no fim da primeira volta, com Átila em 18º e Zonta em 19º.

Logo depois, Di Mauro também abandonou a prova após levar um toque na traseira do carro. Nas voltas seguintes, Zonta ganhou posições e subiu para 16º, com Abreu em 18º. Ricardo continuou evoluindo mais, com uma punição a um adversário e uma ultrapassagem.

Zonta entrou nos boxes logo no começo da janela obrigatória de pit stops e não reabasteceu. Átila, por sua vez, estendeu sua permanência na pista por mais uma volta. Depois que todos foram aos boxes, Ricardo ganhou posições e levou o carro #10 ao sétimo lugar, e Átila deixou a prova após sair da pista na curva 3.

Depois da relargada, Zonta prosseguiu com sua escalada e assumiu o sexto lugar a seis minutos da bandeirada final. Na volta seguinte, o paranaense teve um contato com Diego Nunes na disputa pelo quinto lugar e caiu para 12º, posição na qual cruzou a linha de chegada.

Neste domingo, os pilotos voltam à pista às 9h para mais uma classificação, válida para a nona etapa, e duas corridas, uma às 11h e a outra às 11h55.

"Estávamos com um carro muito bom na corrida”, disse Zonta. “Tudo bem que a classificação foi ruim, mas a estratégia foi a melhor possível, largando lá de trás pronto para a corrida. Uma pena, estávamos vindo numa recuperação, para ganhar a quinta posição, com poucas voltas para o fim, mas três pushes ainda, dava para ir para cima e talvez brigar por um pódio. Onde o outro piloto freou, ele nunca faria a curva, se eu tivesse pensado nisso, poderia ter dado o 'X' e ido embora, mas me tocou bem na hora da freada, me desequilibrou e isso fez com que eu perdesse várias posições."

"Foi frustrante”, desabafou Átila. “A classificação nos prejudicou, largamos muito lá atrás. As primeiras voltas têm muita bagunça, com os adversários batendo, você acaba perdendo tempo até se posicionar. Assim como na tomada, o carro ficou muito difícil de pilotar na freada, traseiro na entrada de curva, e por mais que eu estivesse na competição com os adversários, tínhamos pouco potencial de escalar, voltei da janela em 17º, pouco conseguiria melhorar. Mas fazia tempo que eu não dava um errada numa corrida. Por mais que o carro estivesse difícil, tentei forçar e perdi o carro na freada, passei reto e parei na brita. Pouco muda o que estava na situação do campeonato, vamos ter de usar como descarte. Fico frustrado por não terminar, por não fazer esses pontos e mais ainda por não estar conseguindo ser competitivo, num fim de semana que estava caminhando melhor, mas nenhum carro da equipe mostrou uma performance tão forte. Vamos tentar entender para fazer do amanhã um grande dia. Vamos tentar deixar o que aconteceu para trás e pegar o aprendizado. Amanhã serão duas corridas, é um novo capítulo, e vamos lá. "

"Foi uma pena o que aconteceu, mas não cabe a nós que estamos dentro do carro segurar uma dessa”, comentou di Mauro. “Mas o bom é que estamos evoluindo a cada saída, todas as vezes em que entramos na pista, achamos alguma coisinha a mais, estamos buscando sempre melhorar o carro, vemos que tem potencial. Já estamos entendendo o caminho para ser um carro de ponta. Então, agora é colocar tudo junto, eu estar cada vez mais enturmado com a equipe para colhermos cada vez mais os resultados."

"Passamos com força para o Q2, mas infelizmente no Q2 não conseguimos dar uma boa volta”, disse Galid. “Fiz uma boa largada, fiz bem a curva 1, e na hora que fui fazer a curva 3, infelizmente um concorrente acertou a minha roda com tudo e quebrou a suspensão na hora. Paciência, vamos tentar fazer uma boa classificação amanhã e duas boas corridas."

Nova parceria com ThePlayer.com, a melhor opção para apostas e diversão no Brasil

Registre-se gratuitamente no ThePlayer.com e acompanhe tudo sobre Fórmula 1 e outros esportes! Você confere o melhor conteúdo sobre o mundo das apostas e fica por dentro das dicas que vão te render muita diversão e também promoções exclusivas. Venha com a gente!

Incomodado, Hamilton fala tudo o que pensa sobre Bottas

PODCAST: Hamilton blefa ou fala a verdade ao ameaçar deixar a F1?

Your browser does not support the audio element.