STJD aceita liminar, e Grêmio terá de jogar sem torcida após invasão de torcedores na Arena

·1 min de leitura


A confusão ocorrida na Arena do Grêmio, no último domingo, na derrota do Tricolor Gaúcho para o Palmeiras, por 3 a 1, causou o primeiro prejuízo ao time na reta final do Campeonato Brasileiro. O presidente do STJD, Otávio Noronha, aceitou a liminar da Procuradoria do órgão, e o Imortal está impedido de ter a sua torcida em casa e nos jogos como visitante até o julgamento do Tribunal.

+ Veja no aplicativo do LANCE! o resultado dos jogos da rodada

Confusão

Após a derrota contra o Palmeiras no último domingo, a torcida do Grêmio invadiu o gramado e correu em direção ao vestiário.

Sem obter o êxito de invadir o local, alguns membros destruíram a cabine do VAR e entraram em conflito com a polícia.

- Sendo esse em suma, o nefasto clima que gravita atualmente sobre a torcida do Grêmio, noticia com justificada apreensão a Procuradoria de Justiça Desportiva, que a agremiação tem ainda pela frente, alguns jogos válidos pelo torneio, onde é razoável cogitar-se que novamente se poderá instaurar nos estádios, caso nada seja feito para se evitar, uma verdadeira praça de guerra, em detrimento à segurança de torcedores e profissionais envolvidos no evento - escreveu o presidente do STJD, Otávio Noronha.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos