STJD marca para quinta-feira julgamento de recurso do Vasco que tenta impugnar jogo diante do Inter

LANCE!
·1 minuto de leitura


A briga na justiça para tentar impugnar o jogo entre Vasco e Internacional ganhou mais um capítulo nesta sexta. O presidente do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) Otávio Noronha, marcou para a próxima quinta-feira, dia 25, com início às 11h, o julgamento em que o pleno do tribunal irá analisar o recurso do Cruz-Maltino para anular o jogo.

> Confira a classificação do Campeonato Carioca


O Gigante da Colina decidiu entrar com um recurso no último dia 9 de março com o pedido de anulação da partida. A direção cruz-maltina acredita que houve "erro de direito" depois da pane no sistema do VAR no lance do primeiro gol do Colorado na partida. O argumento do clube carioca é que ele deveria ter o direito de ter seu pedido apreciado.

> Confira mais notícias sobre o Vasco da Gama

No primeiro pedido, dias depois da derrota em São Januário, o Vasco anexou ao processo um documento audiovisual com os diálogos entre o árbitro de campo Flávio Rodrigues de Souza e a cabine da VAR. Vale lembrar que essa derrota foi decisiva para o rebaixamento do clube carioca ao final da competição nacional.

No entanto, o pedido foi apreciado e indeferido pelo presidente do STJD Otávio Noronha. Ao indeferir, o magistrado elogiou a argumentação vascaína, mas entendeu que não houve erro de direito e que nem o erro de fato (o impedimento de Rodrigo Dourado) estava efetivamente comprovado.

No ofício, Noronha lembrou que já há jurisprudência sobre o tema, ou seja, a pauta não é nova e uma decisão já havia sido tomada como exemplo. No caso, o exemplo já era contrário ao interesse vascaíno.