Sterling desafia Iuri 'Marajó' e justifica: "Tem um bom nome"

Aljamain Sterling foi considerado por muito tempo uma das principais promessas do MMA internacional. No entanto, duas derrotas em sequência colocaram em xeque o verdadeiro potencial do americano. Mas, aos 27 anos, ele voltou a vencer no último sábado, quando passou por Augusto ‘Tanquinho’ no UFC on Fox 23, e agora parece que quer mais um brasileiro em seu caminho.

Em entrevista ao site ‘Sports Rants’, o americano confessou ter vontade de se testar contra o experiente atleta brasileiro. E o interessante é notar que Sterling é o atual oitavo colocado no ranking do galos (61 kg), enquanto Marajó ocupa apenas a 12ª colocação.

“Eu gostaria de enfrentar o Iuri Alcântara, acho que seria uma boa luta. Ele tem um bom nome, já enfrentou o Urijah Faber, já enfrentou os grandes nomes da divisão e acho que seria mais uma luta dura. Ele é um ás no jiu-jitsu brasileiro e tem boa trocação. A mão esquerda dele é forte, e acho que seria uma luta divertida. É um duelo em que ele viria para cima, e eu não teria que ficar correndo atrás dele”, analisou.

Apesar de estar abaixo do americano no ranking, Marajó tem um retrospecto recente melhor e vem de duas vitórias seguidas diante de Brad Pickett e Luke Sanders. A última apresentação do brasileiro foi em março deste ano.