Startup desenvolve "versão mini" de animais robôs da Boston Dynamics

André Lourenti Magalhães
·1 minuto de leitura

O "cão-robô" Spot, desenvolvido pela Boston Dynamics, constantemente surpreende – e assusta – na internet com suas habilidades motoras e capacidade de movimentação. Caso você queira ter uma versão desse robô que caiba na palma de sua mão, isso é possível. A startup Petoi criou o Bittle, um pequeno cão-robô que se movimenta de forma autônoma e que pode realizar diferentes ações.

O robô é desenvolvido em código aberto e modelado com peças encaixáveis feitas em impressão 3D: a montagem completa leva, em média, uma hora. Além de possuir um formato muito parecido com o Spot, o Bittle vem acompanhado de uma cabeça de plástico para deixá-lo mais simpático. Depois de montado, o robô pode ser ativado ao baixar os códigos de demonstração pelo GitHub.

O objetivo do Bittle é criar uma opção acessível, reduzindo as barreiras técnicas e financeiras para quem deseja estudar e aprender com esses robôs. Além da estrutura original, é possível aplicar novos módulos e sensores, como uma placa Raspberry Pi e outros chips de inteligência artificial.

O projeto é liderado pelo cientista da computação chinês Rongzhong Li e foi adicionado para crowdfunding na plataforma Indiegogo. Com meta inicial de US$ 50 mil no Kickstarter, o projeto já acumulou mais de U$ 580 mil – cerca de R$ 3,2 milhões em conversão direta. Em pré-venda, cada kit custa US$ 250 e o produto tem previsão de envio a partir de janeiro de 2021.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: