Spurs batem Warriors no Texas em confronto sem principais estrelas

O duelo entre San Antonio Spurs e Golden State Warriors, na noite do último sábado, não foi tão badalado como costumam ser os encontros recentes das duas franquias. Equipes de melhor campanha da Conferência Oeste, os dois lados mandaram para quadra equipes alternativas, poupando algumas de suas principais estrelas, visando evitar o desgaste antes da chegada dos playoffs. Como resultado, a vitória ficou com os donos da casa do duelo no AT&T Center, em San Antonio, por 107 a 85.

O resultado deu aos Spurs sua 67ª vitória na sólida campanha que os mantém na segunda posição do Oeste, enquanto os Warriors, que conheceram apenas seu nono revés, ainda seguem na liderança de maneira tranquila.

 

Na ausência de Kawhi Leonard, LaMarcus Aldridge, Tony Parker, Stephen Curry ou Kevin Durant, couberam a outros nomes assumirem o protagonismo da partida e alcançar desempenho destacável. Ajudando os Spurs a conseguir a vitória, o australiano Patrick Mills foi o maior responsável, com 21 pontos e quatro assistências.

Outros nomes da franquia texana que deram boa contribuição foram Kyle Anderson, com 13 pontos e oito rebotes, Pau Gasol, com 10 pontos e sete rebotes, e David Lee, com 12 pontos e seis rebotes.

O cestinha da partida, no entanto, foi da equipe derrotada. Ian Clark viveu noite inspirada e anotou 36 pontos, enquanto Matt Barnes contabilizou  14 pontos e nove rebotes e Zaza Pachulia conseguiu duplo-duplo com 11 tentos e 12 rebotes.