Fluminense volta a sonhar com Riquelme

Experiência do meia na Libertadores interessa ao Tricolor

Riquelme
.

Exibir foto

Riquelme voltou a interessar ao Flu

Campeão brasileiro de 2012, o Fluminense ainda busca reforços para, em 2013, conquistar também a tão sonhada Copa Libertadores. Até o momento, o Tricolor já contratou o atacante Rhayner, ex-Náutico, e o lateral-direito Wellington Silva, que estava no Flamengo, e o diretor de futebol do Tricolor, rodrigo Caetano, revelou recentemente que o clube busca ainda mais um ou dois reforços de peso, para o meio de campo e a defesa. Um deles pode ser o argentino Riquelme.

Veja também:
- De olho em lateral argentino, Fluminense tem concorrência do Atlético de Madrid
- Estudante fenomenal: Ronaldo vai à faculdade
- Inter perde dois ídolos para 2013

Sem jogar desde julho de 2012, quando deixou o Boca Juniors, apesar de ainda ter contrato com o clube, o meia Riquelme está na mira de diversos clubes brasileiros. O Flamengo tentou a contratação do craque em 2012, mas não teve sucesso, e o Palmeiras ainda mexe seus pauzinhos para tentar contar com o hermano na disputa da série B e da Libertadores de 2013. Segundo o site "Globoesporte.com", o Fluminense entrou na briga pelo argentino.

O meia de 34 anos seria opção para a armação em revezamento com Deco, que briga contra as lesões desde que foi contratado pelo Tricolor, em 2010. Outra alternativa para a posição seria Felipe, que não consta dos planos do Vasco para 2012. No entanto, o cruzmaltino sofre com grande rejeição entre os torcedores do Fluzão. O jovem Giuliano, ex-Inter e atualmente no Dnipro, da Ucrânia, também foi sondado, mas os altos valores do negócio emperraram as conversas.

Conta a favor do argentino sua experiência na Copa Libertadores. Riquelme tem três títulos da competição sul-americana no currículo: 2000, 2001 e 2007, além do vice-campeonato do ano passado. Em abril de 2010, o Fluminense tentou, sem sucesso, contratar o meia, que pode finalmente vir para o Brasil nesta janela de transferências.

Lamentamos que você não tenha gostado deste comentário. Informe um motivo abaixo.

Tem certeza?
Classificação falhou. Tente novamente.
Falha na solicitação. Tente novamente.
Promoveremos comentários construtivos e espirituosos para aparecerem primeiro, todo mundo vai vê-los!
Lamentamos, mas não é possível carregar comentários no momento. Tente novamente.