Soteldo fala sobre vestir 10 do Santos após morte de Pelé: 'Responsabilidade ainda maior'


Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Como forma de prestar homenagens, atletas do atual elenco do Santos compareceram à Vila Belmiro para o velório de Pelé. Em conversa com o LANCE! e outros veículos de imprensa, o venezuelano Yeferson Soteldo falou sobre a responsabilidade de vestir a camisa 10 do Rei após a morte do ídolo santista.

- Agora é uma responsabilidade maior. Desde que cheguei, sempre tive respeito por essa camisa e pelo clube. Sempre respeitei ele (Pelé), e agora é uma responsabilidade maior ainda - disse.

+ Saiba as personalidades que estiveram presentes no velório de Pelé

Em relação às especulações sobre a aposentadoria da camisa 10, Soteldo disse que, caso acontecesse, seria "normal" por se tratar do Rei do Futebol.

A família de Pelé chegou a solicitar ao presidente do Santos que a camisa 10 fosse aposentada. Após repercussão de entrevista antiga ao canal de YouTube "Camisa 21", na qual o Rei se diz contrário à aposentadoria, Andres Rueda confirmou ao L! que o número continuará sendo utilizado pelos jogadores do clube.

O velório do maior ídolo da história do Santos começou nesta segunda-feira, às 9h, na Vila Belmiro, e seguirá até a manhã desta terça-feira.

Soteldo - Santos
Soteldo - Santos

Soteldo retornou ao Santos em 2022 (Foto: Ivan Storti/Santos FC)