Sorriso Hornets x T-Rex: confronto inédito define o primeiro finalista da Liga BFA

Foto (Richard Ferrari/T-Rex) - T-Rex vai tentar chegar novamente à final da Liga BFA


A Liga Brasileira de Futebol Americano (Liga BFA) conhecerá o primeiro finalista desta edição no próximo sábado (29/10), às 19h (horário de Brasília), no confronto entre Sorriso Hornets e T-Rex, no estádio Municipal Egídio José Preima, em Sorriso-MT. As duas equipes conquistaram respectivamente os títulos das conferências Centro-Oeste e Sul do torneio nacional.

O T-Rex busca voltar à final da competição pela segunda vez consecutiva, uma vez que foi derrotado pelo João Pessoa Espectros na edição de 2019. Já o Sorriso Hornets vai tentar chegar à primeira decisão nacional da sua história.

Os ingressos para acompanhar a semifinal da Liga BFA custam R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia). Os bilhetes podem ser adquiridos no site do Sorriso Hornets. A transmissão do duelo será no Canal do Youtube do time mato-grossense.

De acordo com o Perfil do Instagram Mapa do FABR, as duas equipes nunca foram derrotadas por times das regiões do adversário. O Sorriso Hornerts venceu o único confronto contra uma do Sul. A partida em questão foi contra o Breakers em 2017.

Por sua vez, o T-Rex enfrentou times do Centro-Oeste em três oportunidades e venceu todas: Tubarões do Cerrado em 2019 e 2012 além do Cuiabá Arsenal em 2017.

O T-Rex busca conquistar voltar à final, uma vez que foram derrotados pelo João Pessoa Espectros na edição de 2019. Já o Sorriso Hornets vai tentar chegar à primeira decisão nacional da sua história.

O vencedor do confronto vai disputar o Brasil Bowl, no dia 19 de novembro, contra o vencedor de Galo FA e João Pessoa Espectros, que se enfrentam no dia 2 de novembro, em Belo Horizonte.

Campanha na BFA
Ao lado de João Pessoa Espectros e Galo FA, o T-Rex é um dos três invictos na competição. O time catarinense venceu todas as seis partidas. De acordo com levantamento do Mapa do FABR, o T-REX fez 281 pontos (média de 46,8 por partida) e sofreu apenas 13 pontos (média de 2,2 por partida). Gabriel Piola, com sete touchdowns, é o artilheiro do time.

Por sua vez, o Sorriso Hornets tem quatro vitórias em seis jogos. As derrotas foram para o Tubarões do Cerrado e para o Galo FA na fase de grupos. Segundo levantamento do Mapa do FABR, o time mato-grossense anotou e também sofreu 107 pontos (média de 17,8 por partida). Abner Sanchez, com quatro TDs, é o artilheiro do time na competição.