Soares e Murray estreiam com vitória no US Open. Demoliner avança

·1 minuto de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.


A parceria do mineiro Bruno Soares e o escocês Jamie Murray, campeões do US Open em 2016, estrearam com boa vitória no torneio diante da dupla do americano Tommy Paul e o australiano Alexei Popyrin. A dupla do gaúcho Marcelo Demoliner também venceu.

Sétimos favoritos, Soares e Murray precisaram de 1h06 para fechar o placar em 6/4 6/2 tendo disparado três aces contra um de Popyrin e Paul, que cometeram 19 erros não-forçados contra 15 da dupla do brasileiro, que disparou 21 bolas vencedoras contra 18 da parceria do australiano.

Atual campeão do US Open ao lado do croata Mate Pavic, Soares segue em busca do tricampeonato do torneio e na segunda rodada encara os americanos Christopher Eubanks e Bjorn Fratangelo, que venceram de virada os compatriotas Nicholas Monroe e Frances Tiafoe em 4/6 6/3 6/2.

Demoliner e Daniell veem rival desistir e encara Mahut e Herbert

A parceria do gaúcho Marcelo Demoliner e o neozelandês Marcus Daniell superou os britânicos Daniel Evans e Lloyd Glasspool após 1h38 com desistência dos rivais com placar em 6/7 (4) 6/4 2/1 tendo convertido dois aces contra três dos britânicos, que cometeram 16 erros não-forçados contra 17 da dupla do brasileiro, que disparou o mesmo número de bolas vencedoras dos rivais 32.

Na segunda rodada, Demoliner e Daniell têm a dupla francesa de Nicolas Mahut e Pierre Hugues Herbert, donos de cinco títulos do Grand Slam, que aplicaram um duplo 6/4 contra os americanos Eliot Spizzirri e Tyler Zink

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos