Sistema defensivo do Vasco apresenta dados preocupantes para a decisão na Série B

Anderson Conceição e Danilo Boza formam a zaga titular do Vasco na reta final da Série B (Montagem Lance! Fotos: Daniel Ramalho/CRVG; Reprodução/Instagram Danilo Boza)


Mesmo com a chegada de Jorginho, o Vasco seguiu com problemas no sistema defensivo. Agora, não há mais chance para erros. Neste domingo, o Cruz-Maltino faz a partida da vida na Série B do Campeonato Brasileiro, que vai definir os rumos do time para 2023.

+ Confira a classificação da Série B

A defesa já não contará com a presença do lateral-esquerdo Edimar, que está suspenso por receber o terceiro cartão amarelo. A tendência é que Paulo Victor seja o substituto, já que é o concorrente direto do veterano. Luiz Henrique também é uma opção e corre por fora.

Anderson Conceição segue como titular absoluto. Mas nas últimas rodadas, Danilo Boza tem formado a dupla com o capitão cruz-maltino. E os dados preocupantes são justamente sobre a solidez defensiva, que foi marca da equipe no início da competição.

Desde a 30ª rodada, a mescla entre a juventude e a experiência tem prevalecido. Porém, já somaram 12 gols sofridos. Além disso, apenas na 34ª rodada que o Gigante não teve suas redes balançadas.

Resultados do Vasco depois que Anderson Conceição e Danilo Boza passaram a atuar juntos:
Vasco 4 x 1 Náutico - 30ª rodada, em São Januário
Cruzeiro 3 x 0 Vasco - 31ª rodada, no Mineirão
Vasco 1 x 1 Londrina - 32ª rodada, em São Januário
Operário 2 x 3 Vasco - 33ª rodada, no Germano Krüger
(*) Vasco 3 x 0 Novorizontino - 34ª rodada, em São Januário
Sport 1 x 1 Vasco - 35ª rodada, na Ilha do Retiro
​Vasco 2 x 1 Criciúma - 36ª rodada, em São Januário
Vasco 2 x 3 Sampaio Corrêa - 37ª rodada, em São Januário

(*) única partida na reta final da Série B que a zaga não foi vazada.