Silvana Lima avança em Bells Beach e busca vaga nas quartas

Após duas etapas sem vencer nenhuma bateria, a brasileira está busca, na repescagem, permanecer na última competição da perna australiana

A única representante brasileira na elite do surfe feminino conseguiu vencer sua primeira bateria na temporada. Após ser eliminada no segundo round nas duas primeiras etapas da perna australiana, Silvana Lima avançou em Bells Beach e disputa com a hexacampeã mundial Stephanie Gilmore a última vaga das quartas de final.

A cearense competiu sempre no último confronto das três rodadas realizadas na última quarta-feira. Na primeira fase, ela boiou bastante, esperou demais e só surfou sua primeira onda quando restavam 10 minutos para o término da bateria. A onda era boa e Silvana ganhou nota 6,33. A segunda pegou cinco minutos depois e ganhou 5,83. A soma de 12,16, porém, não o suficiente para superar Tatiana Weston-Webb. A havaiana liderou toda a bateria e venceu por 13,34 pontos.

Em sua segunda bateria do dia, a brasileira foi mais rápida e logo pegou sua primeira onda com uma prancha diferente, mas errou a segunda manobra e voltou ao outside de jet-ski. As séries demoravam a entrar e Silvana volta a falhar nas direitas muito cheias. Pior estava a australiana Laura Enever, que não conseguia acertar nada e facilitou o trabalho de Silvana Lima, que foi melhorando a cada onda, mostrando o seu surfe pela primeira vez na temporada. Na primeira que surfou até o fim sem errar, ganhou nota 5,00, depois tirou um 6,50 e no final massacrou outra direita manobrando forte de frontside para ganhar nota 8,00. Com ela, consolidou sua primeira vitória por uma combinação de 14,50 pontos sobre a australiana.

Silvana voltou ao mar para fechar o primeiro dia de competição na disputa pela última vaga direta para as quartas de final de Bells Beach. As condições do mar já estavam bem mais complicadas, com poucas ondas boas entrando para as três competidoras. A francesa Johanne Defay teve mais sorte de pegar a melhor que valeu nota 6,00 para vencer por 9,33 pontos. A brasileira só conseguiu somar 4,80 nas duas notas computadas e Sally Fitzgibbons, que divide a liderança do ranking com Stephanie Gilmore, ficou em último com apenas 1,73 pontos.

Sally Fitzgibbons sofre corte no pé e deixa a água carregada

A campeã de Margaret River e líder da temporada ao lado de Stephanie Gilmora, Sally Fitzgibbons sofreu um corte profundo no pé esquerdo durante a última bateria do primeiro dia de competições. A australiana deixou o mar carregada, com muitas dores e chorando. A contusão aconteceu após ela pegar uma onda e sofrer a queda. Sally foi resgatada pelo jetski e foi carregada por três homens para o posto médico.










Injury update on @Jeep leader @Sally_Fitz #RipCurlPro #BellsBeach https://t.co/99mkLAnxRY pic.twitter.com/AM8A4QQo0T

— World Surf League (@wsl) April 12, 2017

- Sally está com um pouco de dor. Ela tem um corte muito grande na parte de cima do pé. Não sei em relação à profundidade, mas há uma grande quantidade de sangue. Deram a ela algumas injeções e estão tentando ver melhor, entender a profundidade e ver o que fazer. A parte de cima do pé um lugar complicado para machucar. Não é um corte grande, mas é bem sólido. Os médicos estão cuidando dela agora – disse a comissária da WSL, Jessi Miley-Dyer.

A australiana está no quarto Round, mas ainda não se sabe se ela terá condições de retornar à competição. A próxima chamada será às 18h (horário de Brasilia) desta quinta-feira. A Liga Mundial de Surfe (WSL, em inglês), não divulgou se será dada continuidade ao naipe feminino ou se a competição masculina dominará as águas de Bells Beach.

Confira os resultados do primeiro dia de Bells Beach:

Round 1


1: Sage Erickson (EUA) 14.00 X Courtney Conlogue (EUA) 13.74 X Coco Ho (HAV) 11.03
2: Nikki Van Dijk (AUS) 12.67 X Carissa Moore (HAV) 11.67 X Bronte Macaulay (AUS) 9.16
3: Tyler Wright (AUS) 17.00 X Ella Williams (NZL) 6.53 X Laura Enever (AUS) 6.50
4: Stephanie Gilmore (AUS) 10.16 X Isabela Nichols (AUS) 10.16 X Keely Andrew (AUS) 9.56
5: Sally Fitzgibbons (AUS) 14.13 X Lakey Peterson (EUA) 13.60 X Pauline Ado (FRA) 7.44
6: Tatiana Weston-Webb (AUS) 13.34 X Silvana Lima (BRA) 12.16 X Johanne Defay (FRA) 8.74

Round 2
1: Coco Ho (HAV) 12.14 x 12.00 Keely Andrew (AUS)
2: Lakey Peterson (EUA) 13.70 x 12.44 Bronte Macaulay (AUS)
3: Carissa Moore (HAV) 19.13 x 6.37 Ella Williams (NZL)
4: Courtney Conlogue (EUA) 16.44 x 12.56 Isabela Nichols (AUS)
5: Johanne Defay (FRA) 15.43 x 9.43 Pauline Ado (FRA)
6: Silvana Lima (BRA) 14.50 x 4.13 Laura Enever (AUS)

Round 3
1: Carissa Moore (HAV) 15.50 X Courtney Conlogue (EUA) 15.03 X Coco Ho (HAV) 10.60
2: Tyler Wright (AUS) 18.47 X Sage Erickson (EUA) 15.73 X Nikki Van Dijk (AUS) 8.76
3: Lakey Peterson (EUA) 14.90 X Tatiana Weston-Webb (HAV) 12.84 X Stephanie Gilmore (AUS) 12.00
4: Johanne Defay (FRA) 9.33 X Silvana Lima (BRA) 4.80 X Sally Fitzgibbons (AUS) 1.73

Round 4
​1: Courtney Conlogue (EUA) x Nikki Van Dijk (AUS)
2: Sage Erickson (EUA) x Coco Ho (HAV)
3: Sally Fitzgibbons (AUS) x Tatiana Weston-Webb (HAV)
4: Stephanie Gilmore (AUS) x Silvana Lima (BRA)





























E MAIS: