Iraniano que fez história na Paralimpíada do Rio-2016 morre aos 31 anos

Yahoo Esportes
Siamand Rahman comemora vitória na Paralimpíada de 2016, no Rio. Foto: Raphael Dias/Getty Images
Siamand Rahman comemora vitória na Paralimpíada de 2016, no Rio. Foto: Raphael Dias/Getty Images

Siamand Rahman, bicampeão paralímpico de halterofilismo, morreu na manhã de domingo em Oshnaviyeh, sua cidade natal no Irã. A suspeita é de que o atleta de 31 anos tenha sofrido um ataque cardíaco.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Siga o Yahoo Esportes no Google News

Nos Jogos Paralímpicos do Rio, em 2016, ele fez história ao quebrar o recorde mundial duas vezes: 305 quilos em uma tentativa e 310 em outra. Para se ter uma ideia, foi quase o dobro do que ele pesava, 169 quilos.

Leia também:

"Siamand foi pioneiro em seu esporte, uma inspiração para muitos em seu país natal, o Irã, e em todo o mundo, e um embaixador fantástico para o Movimento Paraolímpico, escreveu, Andrew Parsons, presidente do Comitê Paralímpico Internacional.

Siga o Yahoo Esportes no Instagram, Facebook e Twitter e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário.

Leia também