Shaylon e Boia 'ressurgem' no São Paulo e são inscritos no Paulistão

·2 minuto de leitura


O jogo do São Paulo contra o Rentistas marcou a volta de dois jogadores do São Paulo: o meia Shaylon e o atacante Paulinho Boia. A dupla entrou no segundo tempo, tentou o gol da vitória, mas não conseguiu e agora pode ter mais oportunidades no Campeonato Paulista.

ATUAÇÕES: Orejuela estreia com gol, Vitor Bueno perde pênalti e São Paulo empata com o Rentistas

Isso porque o técnico Hernán Crespo inscreveu Shaylon e Boia para o mata-mata do estadual. Os dois entraram nos lugares do atacante Bruno Rodrigues, um dos reforços para a atual temporada, e o goleiro Thiago Couto.

CONFIRA A TABELA ATUALIZADA DA LIBERTADORES DE 2021

Shaylon foi contratado pelo São Paulo em 2017, após se destacar na Chapecoense. Sem espaço no Tricolor, o meia foi emprestado nos últimos anos para Goiás, onde disputou o último Brasileirão, e Bahia. Com contrato até té janeiro do ano que vem, ele passou por um período de avaliações no CT da Barra Funda no começo desta temporada e parece ter agradado Crespo.

Inscrito na Libertadores, ele foi relacionado para os jogos contra Sporting Cristal e Rentistas, pela ida do turno, mas acabou não entrando em campo. Voltou a ser utilizado contra os uruguaios na última quarta-feira, atuando por 21 minutos.

Já Paulinho Boia quase não permaneceu no São Paulo nesta temporada. No começo de março desse ano, o Tricolor tentou envolver o atacante em uma troca com o Vasco pelo meia Martín Benitez. No entanto, o próprio Boia recusou, para ter mais tempo e mostrar seu futebol para a comissão técnica.

Vale destacar que ele ainda passou por uma artroscopia no joelho e precisou recuperar a forma física para estar novamente à disposição. Com Crespo, ele foi relacionado para as partidas contra Rentistas e Sporting Cristal, mas sem ser utilizado. Voltou a ser utilizado contra os uruguaios na última quarta-feira, atuando também por 21 minutos.