Sevilla faz proposta milionária a Arana, que fica balançado

Arana tem sido apontado na Espanha como o melhor lateral no Brasil (Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians)

Uma proposta irrecusável. É assim que Guilherme Arana definiu a colegas de Corinthians a última oferta feita pelo Sevilla. Depois de passar para a fase de grupos da Liga dos Campeões, o time espanhol voltou à carga com a promessa de um plano de carreira e um salário milionário ao lateral-esquerdo.

O Sevilla também promete uma proposta na casa dos R$ 50 milhões ao Corinthians – no mês passado, na primeira tentativa, o clube de Paulo Henrique Ganso havia oferecido R$ 10 milhões a menos.

O dinheiro, em si, agrada aos dirigentes alvinegros, mas há um impasse: o Sevilla quer Arana para já. A janela de transferências na Espanha termina na quinta-feira da próxima semana e Roberto Andrade tem afirmado que não aceitará liberá-lo antes do fim do Brasileirão.

Resta saber como o presidente vai lidar com a vontade de Arana em se transferir, algo que não havia ocorrido nas primeiras propostas, do próprio Sevilla, da Inter de Milão, do CSKA e do Bordeaux.