"Seu legado será eterno": Fifa e ligas de futebol homenageiam Pelé

Pelé acena à torcida em partida em Manchester, Reino Unido

(Reuters) - A Fifa colocou todas as bandeiras de sua sede em Zurique a meio mastro após a morte de Pelé, enquanto a Premier League e a A-League prometeram homenagear o ídolo brasileiro com aplausos à medida que o mundo esportivo se despede do rei do futebol.

Pelé, campeão da Copa do Mundo por três vezes (1958, 1962 e 1970), morreu na quinta-feira aos 82 anos após uma batalha contra o câncer.

Um porta-voz da Fifa disse que as bandeiras em sua sede foram hasteadas a meio mastro "como um símbolo de luto e respeito".

A Premier League confirmou que os jogadores usarão braçadeiras pretas durante as partidas, enquanto a LaLiga da Espanha disse que observará um minuto de silêncio antes dos jogos.

O atacante do Liverpool Mohamed Salah compartilhou uma foto de Pelé no Instagram, com a legenda: "Adeus a uma lenda do futebol".

O lateral marroquino Achraf Hakimi postou uma foto em preto e branco de um jovem Pelé sorrindo, escrevendo no Twitter: "seu legado será eterno".

A Australian Professional Leagues (APL) informou que todos os jogos da A-League neste fim de semana terão aplausos de um minuto antes do pontapé inicial.

"Prestando homenagem a um ícone. Os torcedores são incentivados a se juntar a um momento de aplauso antes de cada jogo da A-League neste fim de semana para celebrar a vida e o futebol de Pele, que faleceu aos 82 anos", disse a A-League em uma nota nas redes sociais.

"Que ele descanse em paz."

Aplausos por um minuto foram observados antes do jogo em casa do Western United contra o Brisbane Roar nesta sexta-feira.

(Reportagem de Aadi Nair e Shrivathsa Sridhar em Bengaluru, Nayera Abdallah no Cairo)