Sette Câmara faz "auto-homenagem" com entrega do Galo de Prata para o vice Lásaro Cândido e a si mesmo

Valinor Conteúdo
·1 minuto de leitura

Sérgio Sette Câmara e Lásaro Cândido da Cunha deixarão a direção do Atlético-MG no dia 4 de janeiro, para outro Sérgio, Coelho, assumir o clube no triênio 2021-2023, E, como ato de despedida, a dupla foi agraciada com o Galo de Prata, um reconhecido do clube para feitos importantes para a agremiação.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Esportes no Google News

O ato foi uma “auto premiação”, pois como consta no Artigo 74 do Estatuto Social do Atlético, o Galo de Prata "é uma homenagem prestada, por ato do Diretor Presidente do Clube ou do seu Conselho Deliberativo, àqueles que contribuíram de forma significativa para o engrandecimento do Clube Atlético Mineiro.

Leia também:

Como a honraria não foi concedida pelo Conselho, coube a Sette Câmara fazer a homenagem a si mesmo e ao vice Lásaro Cândido. O ainda presidente do clube afirmou que o Galo de Prata é pelos serviços prestados ao clube em seu mandato, de 2018 a 2020.

Sette Câmara não será o primeiro ex-presidente com Galo de Prata. Alexandre Kalil, atual prefeito de BH, Daniel Nepomuceno, que sucedeu Kalil, José Cabral e José Ramos Filho também receberam o Galo de Prata.

Também já receberam troféus Ronaldinho Gaúcho, Reinaldo e Éder Aleixo e artistas como Adélia Prado, Beth Carvalho, Cássia Eller, Rita Lee e Hebe Camargo, entre outras personalidades.

Siga o Yahoo Esportes no Instagram, Facebook e Twitter

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos