Sesi cai para o Cruzeiro em Minas e perde a vice-liderança da Superliga

Ninguém para o Sada Cruzeiro, que já tem a primeira colocação da Superliga garantida. Mesmo contra o Sesi, a equipe de Minas Gerais venceu mais uma partida por 3 sets a 0 (25/23, 26/24 e 25/19) e manteve sua campanha impecável, sem uma derrota sequer na competição nacional. Os paulistas até conseguiram oferecer resistência, mas Simon e companhia, sem o levantador William e o ponteiro Leal, poupados, garantiram o triunfo.

O Sesi esteve na frente durante quase todo o primeiro set. Os paulistas mantiveram frente de pelo menos três pontos até o 20 a 17, quando o jogo virou.  Com bloqueio de Simon e ace de Cristiano, os mineiros passaram a frente e, após o central Lucão sacar na rede, fecharam a parcial em 25 a 23.

Senhoras e senhores, uma aula de voleibol do melhor do mundo! E o líder bate mais um por 3 a 0! Agora sobre o Sesi! Último set: 25-19. pic.twitter.com/1Kr77cTQDd

— Sada Cruzeiro (@sadacruzeiro) 5 de março de 2017


Diferentemente da primeira etapa, a equipe da casa teve o domínio desde o começo. Simon continuava atacando muito bem, assim como o central Isaac. O Sesi conseguiu passar na frente na reta final (22 a 19). Foi, então, a vez do ponteiro Evandro brilhar e pontuar três vezes seguidas para encostar novamente no placar. Isaac, em novo bloqueio, cravou o 26 a 24.

Já no terceiro e derradeiro set, mais tranquilidade para a Raposa. O central cubano Simon seguiu sendo o principal nome da partida e nem mesmo Serginho do outro lado conseguia parar o gigante. Com 25 a 19, o Cruzeiro deu números finais à partida.

Foi a vigésima vitória da equipe mineira na Superliga em vinte jogos. Com 58 pontos, o Cruzeiro venceu 60 sets e perdeu apenas seis durante todo o campeonato. Já o Sesi caiu para a terceira colocação da Liga, ultrapassado pelo Taubaté após a vitória sobre o Campinas também neste sábado.