Serena Williams desiste de disputar Aberto de Miami para se recuperar de cirurgia

·1 minuto de leitura
A americana Serena Williams disputou as semifinais do último Aberto da Austrália contra a japonesa Naomi Osaka

A tenista americana Serena Williams anunciou que não vai competir a partir da próxima semana no Aberto de Miami, torneio que conquistou oito vezes, para se recuperar de uma recente cirurgia oral.

"Estou desapontada por desistir do Miami Open devido à recente cirurgia oral", disse a veterana tenista em um comunicado divulgado pelo Miami Herald.

"Miami é um torneio especial para mim porque é a minha casa. Estou triste por não poder ver os fãs incríveis este ano, mas espero voltar em breve", disse a americana, cuja última vitória em Miami foi em 2015.

A decisão de Serena é mais um golpe para esta edição do Aberto de Miami, WTA Premier e ATP Masters 1000, após as desistências dos três gigantes do circuito masculino: Roger Federer, Rafael Nadal e Novak Djokovic.

O torneio feminino, que começa no dia 23 de março, contará com as quatro primeiras classificadas do ranking da WTA: Ashleigh Barty, Naomi Osaka, Simona Halep e Sofia Kenin.

Com 23 títulos de Grand Slam em seu currículo, Williams continua aos 39 anos tentando alcançar o recorde de Margaret Court (que conquistou 24).

No primeiro Grand Slam de 2021, a americana foi eliminada nas semifinais do Aberto da Austrália para a japonesa Naomi Osaka, que depois se sagrou campeã.

gbv/ma/aam