Senegal atualiza situação médica e deve ter mais um desfalque para jogo contra o Qatar

(OZAN KOSE / AFP)


Senegal perdeu a primeira partida da Copa do Mundo para a Holanda, por 2 a 0, sem ter seu grande craque à disposição. Além de Sadio Mané, no entanto, a seleção senegalesa terá mais um desfalque para o próximo compromisso, diante do Qatar. Kouyaté, que deixou o campo sentindo dores na coxa, tem uma inflamação muscular no local. Em compensação, Diallo foi liberado para treinar.

+ Luis Roberto explica problema na voz em França x Austrália: 'Levando com o coração'

A assessoria de comunicação de Senegal divulgou uma nota para explicar a situação dos atletas. No documento, consta que o volante realizou uma ressonância magnética para que a inflamação no local fosse diagnosticada. Como mencionado, Abdou Diallo, que também deixou o campo com dores musculares, foi liberado para treinar. Além deles, o lateral-esquerdo Fodé Ballo-Touré é dúvida para o duelo diante do Qatar.

NOVO CAMISA 10

Vale destacar, também, que Senegal apresentou seu novo camisa 10 para o restante da Copa do Mundo. O substituto de Sadio Mané, que teve uma lesão grave na perna direita e terá de passar por uma cirurgia no local, será Moussa N'Diaye. Curiosamente, o atleta de 20 anos é lateral-esquerdo e não deve ter muito tempo de jogo, já que Jakobs, jogador mais experiente para posição, será regularizado.

+ Frenkie De Jong honra tradição da Holanda e eleva expectativas por grande Copa do Mundo

O próximo jogo de Senegal será contra o Qatar, nesta sexta-feira, às 10h (de Brasília). Com a derrota no primeiro compromisso, a vitória é crucial para a seleção senegalesa, pensando em classificação. Além disso, por conta da situação do Grupo A, o saldo de gols é fundamental.