Semana de Vela de Ilhabela promove regata inédita com crianças de projetos sociais

·2 minuto de leitura


A Semana Internacional de Vela de Ilhabela promoveu na segunda-feira (26) a inédita regata Vela do Amanhã, que reuniu mais de 40 crianças de projetos sociais de Ilhabela (SP), São Sebastião (SP), Praia Grande (SP) e Paraty (RJ).
O evento realizado pela primeira vez na história contou com 11 barcos participantes. Muitos jovens tiveram pela primeira vez contato com a modalidade a bordo de veleiros de ponta e outros aproveitaram para melhorar suas técnicas visando, quem sabe, uma carreira esportiva.

As crianças e adolescentes de 7 a 16 anos chegaram ao Yacht Club de Ilhabela (YCI) animadas para a velejada, aproveitando as condições de mar mais tranquilas e o calor de mais de 30 graus para as regatas.

Os velejadores mais experientes, que participam da competição tradicional da modalidade, ensinaram as funções a bordo e mostraram algumas situações que ocorrem em provas oficiais. Toda atividade teve apoio da Prefeitura Municipal de Ilhabela, parceira histórica da Semana Internacional de Vela de Ilhabela.

- Essa foi a regata mais importante da Semana de Vela de Ilhabela. Sem eles não teremos mais esse evento. Priorizamos a segurança dele a bordo e mostramos um pouco da nossa competição. Eles navegaram com as feras da modalidade num dia lindíssimo - disse Mauro Dottori, organizador da Semana Internacional de Vela de Ilhabela.

Ilhabela (SP) comemorou no mês passado a inédita conquista para a vela brasileira. O jovem local Alex Kuhl foi campeão Mundial de Optimist na Itália. Conhecida como capital da vela, a ilha tem várias opções para a pratica da modalidade, incluindo a Escola de Vela de Ilhabela e a Escola de Vela Lars Grael.

- É emoção número um. Nosso futuro e o futuro da vela está aqui! Sem eles não tem amanhã. Fiquei muito feliz em trazer tantas crianças para a vela - explicou Cuca Sodré, responsável pela realização técnica das regatas.

Os 11 barcos na regata Vela do Amanhã foram Aloha, Bloddy Bones, Boto, Bravo, Caballo Loco, Criloa, Cabron, H2orça, King, Maré XX e Super Bakanna. ”É muito importante para o crescimento da vela essa regata do Amanhã. Eu estou muito feliz por poder oferecer essa oportunidade aos pequenos navegadores”, comemorou Hillpert Zamit, do H2Orça.

Após a diversão no mar, as crianças voltaram ao YCI e ganharam lanche e refrigerante, além de uma medalha de participação especialmente confeccionada para o Vela do Amanhã, que estará no calendário de 2022 da Semana de Vela de Ilhabela.

As regatas da Semana Internacional de Vela de Ilhabela voltam nesta terça-feira (27) e a previsão de ventos fracos para o segundo dia oficial de provas. A competição foi aberta no domingo com a Alcatrazes por Boreste Marinha do Brasil. A edição de número 48 termina no sábado (31).

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos