Sem torcida, Corinthians empata em casa com o Ituano e se complica no Paulista

Folhapress

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Com portões fechados em razão da pandemia de coronavírus, o Corinthians empatou com o Ituano em 1 a 1 neste domingo (15), em Itaquera, pela décima rodada do Campeonato Paulista.

A equipe do técnico Tiago Nunes, que chegou a seis jogos sem vitória no torneio, foi a 11 pontos no grupo D e agora seca o Guarani, que tem 13 e joga nesta segunda-feira (16), contra a Ponte Preta, no clássico de Campinas.

Se o Guarani vencer a Ponte e, na próxima rodada, o Corinthians não conseguir bater o Palmeiras, o clube do Parque São Jorge estará eliminado do Estadual ainda na etapa de grupos.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Isso depende, porém, da realização ou não da rodada do próximo fim de semana. A FPF (Federação Paulista de Futebol) se reúne na manhã desta segunda para discutir a continuidade ou a paralisação das três principais divisões do futebol no estado. A CBF já anunciou a suspensão de todas as competições organizadas pela entidade que estão em andamento.

Diante do Ituano, o Corinthians saiu atrás do placar ainda no primeiro tempo. Breno Lopes cruzou da esquerda e a bola foi direto no ângulo de Cássio, surpreendendo o goleiro corintiano.

Apesar da ausência de torcedores no estádio, os jogadores alvinegros não se sentiram absolutamente sozinhos para buscar a igualdade no placar. Isso porque o sistema de som da Arena Corinthians reproduzia sons de torcida pelos auto-falantes.

O empate chegou nos minutos finais da etapa inicial, com Luan. O camisa 7 recebeu bom passe de Everaldo em profundidade, invadiu a área e bateu com estilo, no ângulo de Edson, para decretar o empate em Itaquera.

CORINTHIANS

Cássio; Fagner, Gil, Pedro Henrique e Carlos; Camacho, Cantillo (Araos) e Luan; Yony González, Boselli (Vagner Love) e Everaldo (Janderson). T.: Tiago Nunes

ITUANO

Edson; Pacheco, Suéliton, Léo Rigo e Breno Lopes; Baralhas, Paulinho Dias e Marcos Serrato; Yago (Luizinho), Gabriel Taliari (Luiz Paulo) e Minho (Léo Duarte). T.: Vinícius Bergantin

Estádio: Itaquerão, em São Paulo (SP)

Árbitro: Flávio Rodrigues de Souza (SP)

Auxiliares: Marco Antônio de Andrade e Herman Brumel Vani (SP)

Cartões amarelos: Camacho (COR); Pacheco e Léo Duarte (ITU)

Gols: Breno Lopes (ITU), aos 14min, e Luan (COR), aos 47min do 1º tempo

Leia também