Sem tempo a perder: confira os primeiros desafios de Renato Gaúcho no comando do Flamengo

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·3 minuto de leitura
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.


Após anos de espera, Renato Gaúcho inicia nesta segunda-feira a sua trajetória como técnico do Flamengo. Sucessor de Rogério Ceni no comando da equipe, ele será apresentado em coletiva de imprensa no Ninho do Urubu às 13h e, em seguida, comanda o primeiro treino com o grupo. Com a missão de recolocar o time nos trilhos, o treinador terá uma série de desafios pela frente.

+ Na véspera da apresentação, Renato acompanha vitória do Fla no Maracanã

A começar pela estreia, nesta quarta-feira, em duelo de mata-mata da Libertadores, grande objetivo do clube na temporada. A partida será contra o Defensa y Justicia, no estádio Norberto "Tito" Tomaghello, na Argentina, pelo jogo de ida das oitavas de final.

Após acompanhar a vitória sobre a Chapecoense em um dos camarotes do Maracanã, Renato Gaúcho terá apenas dois dias de trabalho para realizar ajustes e começar a implantar sua filosofia antes da estreia. O Flamengo embarca para Buenos Aires na tarde desta terça-feira.

+ Confira a tabela completa do Campeonato Brasileiro

Renato Gaúcho e Arrascaeta - Flamengo
Renato Gaúcho e Arrascaeta - Flamengo

Renato é o novo técnico do Flamengo (Foto: Alexandre Vidal)

OS DESAFIOS DE RENATO NO FLAMENGO:

Definir esquema e time para estreia

A primeira ação de Renato Gaúcho à frente do Flamengo é definir se seguirá no 4-4-2 usado por Rogério Ceni ou se passará a usar o 4-2-3-1, como fazia no Grêmio. Contra a Chapecoense, sob comando de Maurício Souza, o Rubro-Negro começou com uma dupla de ataque (Muniz e Pedro), mas mudou de formação na etapa final após a entrada de Michael aberto pela esquerda.

Além do esquema tático, o treinador tem dois dias para definir os onze iniciais para encarar o Defensa y Justicia. Algumas escolhas são cruciais: Arão volta para defesa? Se não, quem forma dupla com Rodrigo Caio? Thiago Maia segue como titular? Quem entra na vaga de Bruno Henrique? Pedro e Gabigol podem jogar juntos?

+ Everton Ribeiro exige Flamengo 'mais forte e agressivo' como mandante

Decidir futuro na Libertadores e Copa do Brasil em um mês

Logo no início de trabalho, Renato terá uma sequência de quatro semanas com jogos importantes de mata-mata. Após decidir com o Defensa y Justicia uma vaga nas quartas de final da Libertadores, o Flamengo enfrentará o ABC em duelos pelas oitavas de final da Copa do Brasil.

Os jogos com a equipe argentina serão nos dias 14 e 21 de julho, sendo a ida na Argentina e a volta no Brasil. Já os confrontos com o clube potiguar estão marcados para 29 de julho, no Maracanã, e 5 de agosto, no Rio Grande do Norte.

+ Maurício Souza revela conselhos de Renato Gaúcho: 'Já começou a trabalhar'

Recuperar jogadores em baixa

Uma das missões mais importantes de Renato Gaúcho é recuperar a confiança e o futebol de alguns jogadores que não vivem boa fase. Na defesa, por exemplo, nomes como Gustavo Henrique, Léo Pereira e Bruno Viana ainda não renderam o esperado e são questionados por parte da torcida.

Há também os casos de Vitinho e Michael, que tiveram sequência como titulares no último mês, mas acumularam atuações ruins e não conseguiram se firmar. O segundo recebeu nova chance contra a Chapecoense e marcou o gol da vitória rubro-negra em grande jogada individual, relembrando os tempos de Goiás. Recuperando esses atletas, o treinador terá um elenco encorpado capaz de buscar o título de todas as competições.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos