Sem sustos, Ceará bate Vitória e está na final da Copa do Nordeste

LANCE!
·3 minuto de leitura


O Ceará está em mais uma final da Copa do Nordeste. O Vozão derrotou o Vitória por 2 a 0 - com gols de Vina e Messias - na tarde deste sábado, em jogo na Arena Castelão.

Com um primeiro tempo superior - onde anotou os dois gols - os comandados por Guto Ferreira confirmaram o favoritismo e agora aguardam o adversário da decisão - Fortaleza ou Bahia.

Primeiro tempo:

O início do jogo foi dominado pelo Vitória - que chegou ao menos em duas oportunidades com perigo ao gol do Ceará, mas a grande chance veio aos 4 minutos. Em ótima troca de passes, Soares acionou David pela esquerda, que invadiu a área e obrigou Richard a fazer uma excelente defesa.

A resposta dos donos da casa demorou, mas chegou aos 17 minutos e com juros e correção monetária. Em bom contra-ataque, a bola sobrou na entrada da área do Vitória. Na tentativa de cortar, Raul Prata acertou a própria trave. Na volta, Vina cabeceou livre para abrir o placar e contou com o apoio do VAR para comemorar o gol - a decisão do campo foi de impedimento do camisa 29 cearense.

Sem muita criação de ambos os times, a melhor jogada resultou em mais um gol. Em ótima jogada ensaiada, Vina cobrou uma falta e Messias - que estava fora da área e invadiu a mesma no momento da cobrança - cabeceou com estilo no ângulo direito de Ronaldo, aos 40 minutos, para fazer 2 a 0 para o Ceará.

Segundo tempo:

Precisando de gols, o Vitória teve a primeira chance de perigo da etapa complementar aos 4 minutos. Em boa jogada pela direita, Soares invadiu a área do Ceará e cruzou para o meio, mas Klaus cortou antes que a bola chegasse em Samuel.

Sem tempo para perder, o Vitória foi ao ataque e levou perigo de novo aos 9 minutos. Em jogada pela direita, Soares cortou para dentro e chutou para mais uma boa defesa do goleiro Richard.

Com muitas dificuldades para criar, o Vitória só levou perigo novamente ao gol do Ceará aos 38 minutos. Em cobrança de falta pelo lado esquerdo, Eduardo chutou direto e obrigou Richard a fazer mais uma boa intervenção.

Priorizando a marcação e sem pressa no segundo tempo, o Ceará teve sua chance de aumentar o placar na etapa complementar aos 40 minutos. Em confusão dentro da área entre o goleiro Ronaldo e o lateral Pedrinho, a bola sobrou na entrada da área para Fernando Sobral, que chutou, mas sem perigo ao gol do Leão.

Já nos acréscimos, saiu o capítulo mais polêmico da partida. Em disputa de bola pelo lado direito, o lateral do Ceará, Gabriel Dias, se envolveu em uma confusão com Wesley e foi expulso com auxílio do VAR em lance que deixou o defensor do Vozão inconformado ao ponto de precisar ser contido pelos companheiros de time.

Decisão:

Com a vaga garantida na final, o Ceará vai assistir de camarote a definição de seu adversário na decisão, já que Fortaleza e Bahia se enfrentam ainda neste sábado (24) - também na Arena Castelão - pela segunda vaga.

FICHA TÉCNICA

CEARÁ 2 X 0 VITÓRIA
Local: Arena Castelão, Fortaleza (CE)
Data-Horário: 24/04/2021 - 16h (de Brasília)
Árbitro: Zandick Gondim Alves Junior (RN)
Auxiliares: Vinicius Melo de Lima (RN) e Francisco de Assis da Hora (RN)
VAR: Wagner Reway (PB)
Cartões amarelos: Gabriel Dias (CEA); Vico, João Pedro (VIT)
Cartão vermelho: Gabriel Dias (CEA)
Gols: Vina (17'/1ºT), Messias (40'/1ºT)

Ceará: Richard; Gabriel Dias, Messias, Luiz Otávio (Klaus, aos 0'/2ºT) e Bruno Pacheco; Charles (Fernando Sobral, aos 24'/2ºT), Pedro Naressi, Vina (Marlon, aos 34'/2ºT) e Lima; Mendoza (Saulo Mineiro, aos 24'/2ºT) e Felipe Vizeu (Jael, aos 34'/2ºT). Técnico: Guto Ferreira.

Vitória: Ronaldo; Raul Prata, João Victor, Wallace Reis e Pedrinho; João Pedro, Cedric (Eduardo, aos 25'/1ºT) e Vico (Wesley Pionteck, aos 0'/2ºT); David (Caique Souza, aos 19'/2ºT), Soares e Samuel (Ygor Catatau, aos 19'/2ºT). Técnico: Flavio Tanajura