Sem Neymar, mas com hat-trick de Mbappé, PSG vence o Barcelona na ida das oitavas de final da Champions

LANCE!
·2 minuto de leitura


O Paris Saint-Germain está com um pé nas quartas de final da Champions League. Nesta terça-feira, o clube francês visitou o Barcelona no jogo de ida das oitavas de final do torneio continental e a equipe de Mauricio Pochettino venceu por 4 a 1. Messi abriu o placar no primeiro tempo, mas Mbappé (três vezes) e Kean viraram o jogo no Camp Nou.

+ Veja a tabela da Champions League


PRIMEIRO TEMPO EQUILIBRADO
O jogo no Camp Nou estava morno até que Kurzawa derrubou De Jong dentro da área aos 25 minutos. O juiz marcou pênalti e Messi bateu bem para abrir o placar. O PSG, porém, não ficou muito tempo em desvantagem. Aos 31, Marquinhos lançou para Kurzawa, que entregou de primeira para Verrati. Também de primeira, o volante tocou para Mbappé driblar Lenglet e empatar.

CHANCES PERDIDAS
Além dos dois gols na etapa inicial, as duas equipes tiveram outras oportunidades de balançar as redes. Pelo lado blaugrana, Dembélé parou em Keylor Navas, enquanto Griezmann chutou para fora depois de contra-ataque. Já os parisienses, viram Ter Stegen fazer grande defesa em chute de Kurzawa. De cabeça, após cobrança de escanteio, Icardi também quase marcou.

VIRADA FRANCESA
O segundo tempo foi de praticamente um time só. O PSG, que voltou com Herrera no lugar de Gueye, dominou o Barcelona e marcou duas vezes. Primeiro com Mbappé após Florenzi receber em profundidade e depois com Moise Kean aproveitando levantamento de Paredes em cobrança de falta.

FECHANDO COM CHAVE DE OURO
Perdendo por dois gols de diferença, o Barcelona se lançou ao ataque e deu espaço para o PSG explorar os contra-ataques. E foi desta forma que Mbappé sacramentou de vez a vitória francesa. Draxler deixou o camisa 7 livre na entrada da área, que bateu de chapa no ângulo de Ter Stegen.

+ Nova bola da Champions League faz homenagem aos 20 anos da Starball. Veja fotos!

SEQUÊNCIA
​PSG e Barcelona voltam a se enfrentar no dia 9 de março, no Parque dos Príncipes, em Paris, para decidir quem continua com o sonho de conquistar a Champions League.