Sem medo, técnico sérvio brinca sobre possível Brasil com quatro atacantes

DOHA, QATAR (UOL - FOLHAPRESS) - Adversário da estreia da Copa, o técnico da Sérvia, Dragan Stojkovic, afirmou, nesta quarta-feira (23) que não tem medo do Brasil e entende que seu time tem que se concentrar no próprio jogo. Ele não quis revelar a escalação da equipe, mas brincou com a possibilidade de Tite escalar quatro atacantes para o confronto: "Acabou para nós", riu.

O treinador, que é um jogador histórico em Copas do Mundo, foi questionado sobre a provável escalação do time com Raphinha, Neymar, Richalison e Vinicius Junior e por isso fez a brincadeira. Mas deixou claro que não teme a equipe brasileira.

"O Brasil tem muita sorte de ter tantos jogadores E, com relação à defesa, vai ter alguém lá atrás? Na minha opinião, é uma geração de ouro (do Brasil) no momento. E nós esperamos um jogo muito difícil. Mas temos que nos concentrar no nosso tipo de futebol, na nossa técnica para enfrentar o Brasil. O Brasil tem chance de ganhar, a Sérvia também tem chance de ganhar. Não temos medo de ninguém, nem do Brasil", afirmou Stojkovic.

A dúvida do treinador é se vai escalar dois atacantes para o confronto, com Vlahovic e Mitrovic, em sua formação mais utilizada, ou optará por uma equipe mais cautelosa. Ele não quis dizer qual sua escolha.

"As perguntas são de fato legítimas, mas nenhum técnico divulgará a escalação. Terão que se acostumar com isso. Nós consideramos saber 90% da escalação para o Brasil. Não faremos mudanças", contou o treinador. "Tite não disse qual a escalação, acho que não posso dizer a minha escalação inicial."

Além da questão do uso de dois atacantes, há uma dúvida na ala esquerda para saber se Kostic terá condições de jogo. Segundo o treinador, ele está com problemas musculares.

Apesar da formação forte do Brasil, Stojkovic afirmou que não fará marcações individual, e sim por zona. E disse que, embora o jogo seja importante, é tão relevante quanto os confrontos contra Camarões e Suíça. Mas admitiu que o seu time teve bastante azar com o sorteio.