Sem graça: Botafogo fica no zero com a Ponte Preta, mas amplia vantagem na liderança da Série B

·2 min de leitura


Expectativa diferente da realidade. Após aplicar uma goleada no Vasco, o Botafogo não conseguiu manter a mesma pegada e ficou apenas no empate sem gols com a Ponte Preta no Moisés Lucarelli na noite desta quinta-feira, em partida válida pela 35ª rodada da Série B do Brasileirão.

Mesmo sem vencer, o Botafogo segue na boa. O Alvinegro é o líder da Série B com 63 pontos - dois a mais que o vice Coritiba -, enquanto a Ponte, na 14ª posição com 43 pontos, ainda luta contra o rebaixamento.

As duas equipes voltam a jogar na próxima segunda-feira, feriado em homenagem ao dia da Proclamação da República, às 16h. A Ponte Preta enfrenta o Londrina no Estádio do Café, enquanto o Botafogo medirá forças com o Operário no Estádio Nilton Santos.

SEM EMOÇÃO
A noite gelada em Campinas trouxe um primeiro tempo de poucos melhores momentos no Moisés Lucarelli. Com exceção de uma espetacular defesa de Ivan em chute de Kanu na pequena área, o Botafogo passou longe de ameaçar a Macaca.

O time de Campinas tentava chegar pelos lados do campo, mas as jogadas também eram de pouco perigo. Em um cenário de inoperância por parte das duas equipes, o intervalo foi sem gols.

TENTANDO...
O segundo tempo começou mais agitado dos que os 45 minutos iniciais. O Botafogo tentava chegar pelos lados, mas parava em um jogo ruim dos pontas Warley e Diego Gonçalves, com dificuldade para dar continuidade às jogadas.

A Ponte tentava se impor por meio das transições em velocidade. Assim que roubava a bola, a Macaca acionava jogadas pelas laterais em busca de tramas ofensivas, mas não conseguia passar do sistema defensivo do Glorioso.

PASSOU PERTO!
Se o Botafogo tinha dificuldade para criar chances com a bola rolando, as jogadas de bola parada eram a principal opção. E foi justamente assim que o time arrancou um suspiro de todos os torcedores: já na reta final do jogo, Carlinhos acertou uma falta no travessão.

Não foi suficiente. No fim, as duas equipes realmente sucumbiram à falta de criatividade e o jogo terminou no zero.

FICHA TÉCNICA
PONTE PRETA 0 X 0 BOTAFOGO

Data e horário: 11/11/2021, às 19h
Local: Moisés Lucarelli, em Campinas (SP)
Árbitro: Antônio Dib Moraes de Sousa (PI)
Assistentes: Rogério de Oliveira Braga (PI) e Márcio Iglesias Araújo Silva
VAR: Wagner Reway (PB)
Gramado: Bom
Cartões amarelos: Felipe Albuquerque e Rodrigão (PON); Enderson Moreira, Kanu, Luís Oyama e Ronald (BOT)
Cartões vermelhos:

PONTE PRETA: Ivan; Felipe Albuquerque, Ednei, Fábio Sanches, Rafael Santos; Yago Henrique, Marcos Júnior (Lucas Cândido 47'/2ºT); Niltinho (Iago 24'/2ºT), Fessin (Camilo 30'/2ºT), Moisés; Rodrigão. Técnico: Gilson Kleina.

BOTAFOGO: Diego Loureiro; Daniel Borges, Kanu, Gilvan, Carlinhos (Hugo 42'/2ºT); Pedro Castro (Matheus Frizzo 35'/2ºT), Luís Oyama; Warley (Ronald 16'/2ºT), Marco Antônio (Barreto 35'/2ºT), Diego Gonçalves; Rafael Navarro (Rafael Moura 42'/2ºT). Técnico: Enderson Moreira.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos