Sem Giuliano, Corinthians conta com volta de Willian, evolução de Gabriel e Jô decisivo para ir à Libertadores

·4 min de leitura


Na mesma semana em que perdeu o meio-campista Giuliano por uma lesão muscular que só deverá permitir que ele volte a jogar em 2022, o Corinthians contou com o retorno do meia-atacante Willian e com atuações decisivas de Jô e Gabriel no clássico contra o Santos como alentos importantes para um time que tenta engrenar nesta reta final do Campeonato Brasileiro e assegurar a sua vaga no G4, a zona de classificação à fase de grupos da Copa Libertadores.

TABELA
> Veja classificação e simulador do Brasileirão-2021 clicando aqui

> Conheça o aplicativo de resultados do LANCE!

GALERIA
> Veja até quando vai o contrato de cada jogador do Corinthians

Criticado pelo seu desempenho em duelos anteriores pela equipe, Gabriel virou um alvo ainda maior dos torcedores corintianos após ter tomado um drible de Rodinei antes de o lateral do Flamengo cruzar para Bruno Henrique cabecear para o gol e definir a vitória por 1 a 0 sobre o Timão, nos acréscimos do segundo tempo do jogo da última quarta-feira, no Maracanã. Neste domingo, porém, o volante foi um dos melhores em campo na vitória por 2 a 0 sobre o Peixe, na Neo Química Arena, e viveu seu dia de "volta por cima" pelo clube.

De acordo com números coletados pelo site Footstats, Gabriel acertou todos os 79 passes que deu no clássico, assim como acumulou cinco interceptações e dois desarmes, além de ter marcado o segundo gol da vitória corintiana. Depois do confronto, o volante comemorou a sua boa atuação, mas exaltou que o mais importante foi o Corinthians ter vencido e assumido a quarta posição do Brasileirão, agora fechando a zona de acesso à fase de grupos da Libertadores.

- Importante primeiro para o Corinthians, né, mano?! Pra mim individualmente lógico que é importante, mas é nosso objetivo, né? Hoje a gente entra no G4, uma vaga na Libertadores, que é o que estamos buscando nessa reta final. Então fico muito feliz, gol muito importante pra mim e pra minha confiança -afirmou o jogador em entrevista para o canal Corinthians TV.

JÔ BRILHA COM UM GOL E UMA ASSISTÊNCIA

E se o volante foi bem, Jô teve uma atuação ainda mais decisiva ao abrir o placar na vitória do Corinthians e dar o passe para Gabriel selar o 2 a 0 em Itaquera. Agora o atacante passa a contabilizar dez bolas na rede como maior artilheiro do Alvinegro na temporada e a somar sete assistências, outro fundamento no qual ele é o atual líder do elenco corintiano neste período.

- Graças a Deus, mais um golzinho aí, um gol importante e nós sabemos da importância do resultado, do nosso objetivo de vencer o jogo em casa, que nos colocava na quarta colocação. E continuamos em busca do nosso objetivo, que é a vaga direta (na Libertadores). Então, parabéns ao grupo tudo, nos dedicamos desde o primeiro minuto e merecemos a vitória. E agora temos mais quatro jogos para concluir o nosso objetivo, que é chegar na Libertadores - disse Jô, nos vestiários da Arena, em breve entrevista para a Corinthians TV.

Ao analisar a atuação do atacante, o técnico Sylvinho exaltou o profissionalismo do jogador, que conseguiu mudar a sua forma de atuar para poder ter espaço na equipe, na qual passou a jogar como um homem de referência na frente, como um autêntico pivô para servir os seus companheiros no setor ofensivo.

- Jô é um atleta corretíssimo, absolutamente integrado, comprometido com o trabalho, com o clube, saiu do Terrão (como é conhecida a base corintiana), é um atleta formidável, com experiência, currículo, história dentro do clube. E pronto para nos ajudar como tem nos ajudado. Dá essa característica do (camisa) 9 - enfatizou o treinador, em entrevista coletiva após o clássico.

WILLIAN VOLTA E SYLVINHO DESTACA 'POUCAS LESÕES'

Se por um lado perdeu Giuliano, que sofreu uma lesão muscular na coxa direita e ficará afastado pelo tempo estipulado de três semanas de recuperação, por outro o Corinthians teve a volta de Willian no último domingo, quando o meia-atacante retornou ao time depois de ter se lesionado no dia 13 de outubro em partida contra o Fluminense e desfalcado a equipe em sete confrontos.

Ainda sem a condição física ideal, Willian entrou no Alvinegro no decorrer do segundo tempo contra o Santos, mas já mostrou que logo deve ser novamente escalado como titular. Ao comentar a volta do atleta, Sylvinho confirmou que ele "jogou por volta de 30 minutos, como era mais ou menos o programado" antes do confronto. E o treinador aproveitou para lembrar que Giuliano foi um dos poucos jogadores que se lesionaram nos últimos tempos no Corinthians.

- Nós temos ao longo dos meses poucas lesões e isso é mérito do clube, da estrutura, da forma como está sendo tratado e executado o trabalho, sem comparação com outros clubes. Óbvio que queríamos ter zero risco, mas zero não existe. Quando o atleta entra em um treino, ele já corre risco de lesão. Nosso percentual é baixo - ressaltou o comandante, que nesta segunda-feira vai começar a preparar o seu time para enfrentar o Ceará, na quinta, às 20h, no Castelão, em Fortaleza, pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos