Sem Fórmula 1, Globo demite diretor responsável pela transmissão de conteúdo automobilístico

LANCE!
·1 minuto de leitura


A Globo demitiu nesta segunda-feira o responsável pelas transmissões de eventos automobilísticos e de MMA da emissora. Segundo o site 'TV Pop', a demissão tem ligação com a saída da Fórmula 1 do Esporte da Globo. A principal modalidade do automobilismo foi para a Band.

O profissional estava na emissora há 21 anos e teve passagens como editor e produtor de programas da GloboNews e SporTV. Nas redes, Bokel falou sobre o caso, lamentou a demissão e agradeceu ao período na Globo.

- Tô na pista. Não como eu gostaria, na pista de um autódromo. Fui demitido mesmo. Então, estou à procura de oportunidades. Passei 21 dos meus 42 anos no Grupo Globo. Metade da minha vida. Fui prestador de 2000 a 2006 e contratado de 2006 a 2021. O que sou como jornalista e gestor devo à maior empresa de Comunicação da América Latina. Gratidão eterna - disse.

Bokel ainda relembrou trabalhos durante esse período e de reconhecimentos profissionais como um Prêmio Globo de Jornalismo e Esporte em 2010 pela participação no JN no Ar.

- Conheci, literalmente, todos os estados do país graças à Globo. Ganhei uma pós-graduação incrível na Índia em 2009 e um Prêmio Globo de Jornalismo e Esporte em 2010 pela participação no JN no Ar. Tive a honra de aprender com os melhores profissionais da TV brasileira. Ajudei a formar alguns, meu maior orgulho. Pela minha forma próxima, disponível e transparente com as equipes, pronto a dar e ouvir feedbacks, recebi a maior avaliação da minha área, no quesito Liderança, em 2019. Orgulho máximo. Por nove anos, estive à frente do Esporte a Motor da Globo. Nos últimos quatro, também entrei no mundo das Lutas - concluiu.