Sem Brasileirão, TV aberta aposta em torneios de FIFA e PES

Goal.com

Sem futebol ao vivo para transmitir em rede aberta no período de paralisação, emissoras como a Globo e o SBT resolveram apostar em um outro segmento que muito cresce no país: os Esports.

Ambos os canais irão concentrar suas apostas em um tipo de torneio que já vem fazendo sucesso em outras praças: games de futebol contando com atletas de verdade. Exemplos como o FIFA Stay and Play Cup e o eNations StayandPlay Friendlies 2020, vencido por Éverton Ribeiro, seguiam este modelo.

A emissora de Sílvio Santos irá trazer o "SBT ALL STARS", torneio de FIFA 20. A competição contará com jogadores profissionais do game, atletas como Alexandre Pato - logicamente - Tchê Tchê, Pablo, Tiago Volpi, Rodinei e Thiago Silva, comediantes como Murilo Couto e até Jean Chera, grande promessa da bola que não conseguiu se destacar.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Algo que vale lembrar é que o FIFA 20 não possui o licenciamento dos jogadores brasileiros da Série A. Ou seja: mesmo tendo 19 dos 20 clubes que jogaram a primeira divisão do Brasileirão em 2019, os seus elencos são genéricos, contando com jogadores fake.

Já a Globo, segundo apuração de Gabriel Vaquer, da UOL Esporte, trará uma competição mais restrita: intitulado de "F.C. Futebol de Casa", o torneio terá jogadores do Brasileirão controlando seus times no PES 2020. Narrado por Everaldo Marques, recém-contratado pela emissora, o programa passará a ser um quadro do Esporte Espetacular, nas manhãs de domingo.

Ao contrário do rival, o PES 2020 tem o licenciamento de jogadores brasileiros. Assim, deveremos ver casos de atletas controlando companheiros ou a si próprios no torneio da Rede Globo.

E você, está ansioso para assistir a alguma das competições?

Leia também