Seleção russa deseja boa sorte aos "irmãos" da Sérvia antes de jogo contra o Brasil

DOHA (Reuters) - A seleção russa de futebol desejou boa sorte à Sérvia em sua campanha na Copa do Mundo, que começa ainda nesta quinta-feira contra o Brasil.

A Rússia e a Sérvia têm laços amigáveis, embora em setembro passado o presidente Aleksandar Vucic tenha dito que Belgrado não reconheceria os resultados dos referendos realizados em quatro regiões da Ucrânia parcialmente ocupadas por forças russas.

"Boa sorte na Copa do Mundo. Acreditamos no sucesso de vocês, irmãos", escreveu nas redes sociais a seleção russa, que não foi autorizada a disputar a repescagem das eliminatórias por causa de uma proibição da Fifa devido à invasão de Moscou na Ucrânia.

No estádio Lusail, espera-se que alguns torcedores da Sérvia carreguem bandeiras russas.

De acordo com os regulamentos, eles podem fazer isso, mas nenhuma das bandeiras pode ostentar símbolos militares russos.

As bandeiras têm sido checadas minuciosamente na Copa do Mundo do Catar, que começou no último domingo.

(Reportagem de Milan Pavicic e Andrew Mills)