Seleção pode carimbar vaga na Copa em tempo recorde

Desde que as Eliminatórias Sul-Americanas passaram a ser disputadas por pontos corridos, na edição para a Copa de 1998, as seleções sempre conseguiram a vaga para o Mundial ao somar 30 pontos, número que pode ser alcançado na noite desta quinta-feira(23) contra o Uruguai.

A marca é impressionante, ainda mais pelo fato da Canarinho jamais ter chegado a essa pontuação faltando cinco rodadas para o término do torneio. Líder, o Brasil tem 27 pontos em 12 jogos. 

LEIA MAIS: 
Everton Ribeiro a caminho do Brasil | Barça: Griezmann ou Dybala | Pep liga para Ederson

Mesmo vencendo os uruguaios, matematicamente, a Seleção ainda não confirmará a vaga já que 15 pontos ainda serão disputados mas o histórico da competição prova que a pontuação é suficiente para carimbar uma vaga na Copa sem a necessidade de repescagem.

Na melhor campanha da era dos pontos corridos, o Brasil dirigido pelo técnico Dunga conquistou a classificação com três rodadas de antecedência ao vencer a Argentina por 3 a 1 fora de casa. Na ocasião a Canarinho alcançou os 30 pontos.

André Santos Brasil x Venezuela Copa América 2009


(Foto: Getty Images)

Para o Mundial da Alemanha, o Brasil também precisou atingir os 30 pontos para garantir a classificação que veio com duas rodadas de antecedência e na vice-liderança da competição.

Vale ressaltar que para os mundias de 1998 e 2014 a Seleção não disputou as Eliminatórias. Na primeira citada garantiu a vaga por ser o campeão da edição anterior, na segunda, por ter sido o país-sede.

Nas contas do técnico Tite, um empate já deixaria a Seleção praticamente classificação, uma vitória então seria o pé que falta na Rússia. Diante deste cenário, o treinador admitiu que precisa administrar a ansiedade.

Tite Brasil treino 21032017


(Foto: Pedro Martins / MoWa Press / Divulgação)

"Gera ansiedade e temos que administrar isso. Da mesma forma que também administro o fato de não ser o técnico de um clube no dia a dia. A cada convocação, a cada trabalho, vivo situações novas e me renovo na função. É desafiador. Cada etapa é uma retomada. A grandeza do jogo é essencial, as tradições, as grandes campanhas de Brasil e Uruguai. Esse é o cunho maior do espetáculo".

Depois de encarar o Uruguai, o Brasil volta a campo contra o Paraguai, na Arena Corinthians. Casa em que Tite foi consagrado será o palco perfeito para comemorar a ida da Seleção a mais um mundial.