Seleção: Convocação para o Qatar deve manter média de 'brasileiros' das últimas Copas


O técnico Tite anuncia a lista de 26 convocados da Seleção Brasileira para a Copa do Mundo do Qatar nesta segunda-feira. E como tem sido praxe nas últimas edições do Mundial, os escolhidos, em sua grande maioria, devem ser provenientes do futebol do exterior, mantendo a média de "brasileiros" dos últimos selecionados.


> Veja quem pode aparecer na lista da Seleção para Copa do Mundo
> Veja a tabela da Copa do Mundo-2022 clicando aqui

Se a tendência for confirmada, teremos no máximo três jogadores que atuam no Brasil na lista de Tite: Weverton, do Palmeiras, e a dupla Éverton Ribeiro e Pedro, do Flamengo. O goleiro é quem tem o passaporte mais garantido, o centroavante vem em seguida nessa ordem e o meia ainda briga por uma vaga com Philippe Coutinho.

Dificilmente algum outro jogador que atue no futebol brasileiro será convocado para a Seleção, a não ser que problemas com lesão façam com que Tite precise recorrer a um plano B, o que também seria difícil. As outras dúvidas estão todas no futebol do exterior.

Assim, se esses nomes se confirmarem, a lista deve ficar com 23 atletas "estrangeiros" e três "brasileiros". Excluindo a proporção, já que a lista é maior para 2022, em números absolutos esses três atletas do futebol nacional são a média das últimas quatro Copas.

Fagner (Brasil)
Fagner (Brasil)

Fagner foi titular na Copa de 2018 (Foto: FABRICE COFFRINI / AFP)

Em 2018, três "brasileiros" foram chamados, assim como em 2010 e em 2006. Em 2014, na Copa do Mundo do Brasil, foram quatro nomes provenientes de clubes nacionais, ano que acabou ligeiramente extrapolando o que vinha sendo tendência. (veja os nomes abaixo).

A última vez em que os "brasileiros" foram maioria na Seleção foi em 2002, também último título do Brasil em Copas. Naquela ocasião, 13 convocados eram de clubes nacionais, e dez vieram do exterior. Os três goleiros Marcos (Palmeiras), Dida (Corinthians) e Rogério Ceni (São Paulo) atuavam no Brasil, mais precisamente no futebol paulista.

Confira abaixo os "brasileiros" das últimas Copas do Mundo:

Copa do Mundo de 2018
Pedro Geromel - zagueiro - Grêmio
Cássio - goleiro - Corinthians
Fagner - lateral-direito - Corinthians

Copa do Mundo de 2014
​Jefferson - goleiro - Botafogo
Fred - atacante - Fluminense
​Jô - atacante - Atlético-MG
Victor - atacante - Atlético-MG

Copa do Mundo de 2010
​Robinho - atacante - Santos
Gilberto - lateral-esquerdo - Cruzeiro
Kléberson - volante - Flamengo

Copa do Mundo de 2006
​Rogério Ceni - goleiro - São Paulo
Mineiro - volante - São Paulo
Ricardinho - meia - Corinthians

Copa do Mundo de 2002
Marcos - goleiro - Palmeiras
Ricardinho - meia - Corinthians
Gilberto Silva - volante - Atlético-MG
Dida - goleiro - Corinthians
Belletti - lateral-direito - São Paulo
​Anderson Polga - zagueiro - Grêmio
Kléberson - zagueiro - Athletico-PR
Vampeta - volante - Corinthians
Juninho Paulista - meia - Flamengo
Edílson - atacante - Cruzeiro
Luizão - atacante - Grêmio
Rogério Ceni - goleiro - São Paulo
Kaká - meia - São Paulo