'Se não fosse o VAR, Galo perderia as duas contra o Boca', diz Felipe Melo

·1 minuto de leitura


O duelo por uma vaga nas finais da Libertadores entre Atlético-MG e Palmeiras já começou fora das quatro linhas. Pelo menos nas palavras do volante alviverde Felipe Melo. O jogador palmeirense deu uma entrevista ao canal argentino TyC Sports e fez questão de cutucar o Galo, afirmando que o time mineiro conseguiu superar o Boca Juniors nas oitavas de final da competição sul-americana. O árbitro de vídeo teria ajudado a equipe mineira a se classificar.

-O Atlético tem uma grande equipe, mas, se não fosse o VAR, perdia as duas partidas (contra o Boca). Contra o River, também não foi fácil. Cada ano é diferente e assim como o futebol brasileiro, o futebol Argentino tem que ser respeitado, porque são camisas de grandes clubes e podem fazer coisas que nós não pensamos-disse o volante do Verdão. .

A polêmica no duelo entre Boca e Galo aconteceu porque o time argentino teve dois gols anulados pelo VAR no confronto, um em Buenos Aires e o outro na volta, em BH, gerando críticas à forma como os lances foram interpretados. A Conmebol afastou os árbitros do primeiro jogo alegando que houve "erro grave".

Agora, com a “fogueira da decisão” acesa, os jogos entre Palmeiras e Atlético-MG acontecerão nos dias 21 e 28 de setembro, com a volta em BH, já terão o “tempero” necessário para chamar a atenção do mundo da bola.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos