Dortmund vence Leipzig (3-1), que perde a chance de se tornar líder

·5 minuto de leitura

Os dois prodígios do Dortmund, Jadon Sancho e Erling Haaland, deram ao Borussia uma vitória crucial sobre o Leipzig (3-1), neste sábado, pela 15ª rodada, permitindo ao Bayern de Munique permanecer isolado no topo da tabela, apesar da derrota fora de casa na sexta-feira para o Borussia Mönchengladbach (3-2).

O inglês Sancho abriu o placar aos 55 minutos e o norueguês Haaland ampliou marcando duas vezes (71 e 84). Outro atacante norueguês, Alexander Sorloth, diminuiu para o Leipzig aos 90 minutos.

Na classificação, o Bayern de Munique continua na liderança com 33 pontos, à frente de Leipzig (31 pontos) e do Bayer Leverkusen (29 pontos). O Borussia (28 pontos) chega ao pelotão da frente, em 4º lugar, na 'zona da Liga dos Campeões'.

A defesa de Leipzig, que sofreu apenas nove gols em 14 jogos da Bundesliga (três deles contra o Bayern), desta vez sucumbiu aos talentos individuais dos jovens atacantes do time aurinegro.

Para o Dortmund, que estava a 8 pontos do líder no início do confronto, esta partida era fundamental para suas ambições na competição. Após a demissão de Lucien Favre em meados de dezembro, o time não havia decolado.

- Segundo tempo frenético -

"Todos sabiam que era um jogo crucial para nós. Mostramos uma boa reação e merecíamos esta vitória", disse o meia Emre Can.

O Dortmund chutou a gol uma vez no primeiro tempo. O Leipzig em três.

O jogo mudou na segunda etapa. Aos 55, Haaland, que só havia tocado a bola cinco vezes nos primeiros 45 minutos, acelerou pela direita, encontrou Marco Reus, que tocou para Sancho finalizar rasteiro de direita fazendo 1 a 0.

O jogo acendeu com esse gol. Haaland pelo Dortmund e o espanhol Dani Olmo pelo Leipzig acertaram a trave. Em seguida, Haaland, com sua habitual força, finalizou com uma cabeçada após um cruzamento de Sancho e fez 2-0.

Logo depois, o astro norueguês marcou seu 35º gol em 34 jogos desde sua chegada a Dortmund, driblando o goleiro Peter Gulacsi (84) para decretar a vitória.

- Schalke afasta maldição -

Depois de 30 jogos consecutivos sem vencer na Bundesliga, o Schalke quebrou a maldição ao derrotar o Hoffenheim por 4 a 0 graças a um hat-trick do jovem americano Matthew Hoppe e um gol do marroquino Amine Harit.

No último momento, o Schalke conseguiu evitar se igualar ao Tasmania Berlim, que detém o indesejável recorde do campeonato alemão, com uma série de 31 jogos sem vitórias em 1965-66.

O Schalke não vencia na Bundesliga desde 17 de janeiro de 2020, quando derrotou o Borussia Mönchengladbach por 2 a 0.

Além do triunfo, o time conseguiu escapar da última posição na tabela, que agora é ocupada pelo Mainz, mas continua na zona de rebaixamento (17ª) a três pontos da colocação que leva à disputa do playoff pela permanência, atualmente nas mãos do Bielefeld que recebe o Hertha Berlin no domingo.

"O alívio é grande, enorme até. Mas foi apenas um passo. Agora temos que seguir em frente", disse o diretor esportivo Jochen Schneider após o jogo.

Esta vitória acontece sob o comando do novo técnico Christian Gross, treinador suíço de 66 anos que veio ao clube durante a pausa para as festas de fim de ano para substituir Manuel Baum.

O Schalke 04, que leva o nome do bairro de Gelsenkirchen onde foi fundado em 1904, é um clube tradicional do futebol alemão, várias vezes campeão na primeira metade do século XX.

Desde 2000, foi vice-campeão cinco vezes (a último em 2017-2018) e subiu ao pódio da Bundesliga em oito ocasiões.

Nas demais partidas deste sábado, os principais candidatos às vagas de classificação para a Champions League não conseguiram vencer.

Foi o caso do Union Berlin e Wolfsburg, que estavam empatados com 25 pontos no início da partida, e ficaram no 2 a 2 o que os deixa em quarto e sexto, respectivamente (8 pontos atrás do líder Bayern de Munique).

E o Bayer Leverkusen (3º), que lutou lado a lado com o 'Rekordmeister' até o final de dezembro, empatou em 1 a 1 com o Werder Bremen (13º).

-- Jogos da 15ª rodada do campeonato alemão (horário de Brasília) e classificação:

- Sexta-feira:

B. Moenchengladbach - Bayern de Munique 3 - 2

- Sábado:

Bayer Leverkusen - Werder Bremen 1 - 1

Freiburg - Colônia 5 - 0

1. FC Union Berlin - Wolfsburg 2 - 2

Schalke 04 - Hoffenheim 4 - 0

Mainz - Eintracht Frankfurt 0 - 2

RB Leipzig - Borussia Dortmund 1 - 3

- Domingo:

(11h30) Augsburg - Stuttgart

(14h00) Arminia Bielefeld - Hertha Berlim

Classificação: Pts J V E D Gp Gc SG

1. Bayern de Munique 33 15 10 3 2 46 24 22

2. RB Leipzig 31 15 9 4 2 26 12 14

3. Bayer Leverkusen 29 15 8 5 2 30 15 15

4. Borussia Dortmund 28 15 9 1 5 31 19 12

5. 1. FC Union Berlin 25 15 6 7 2 31 20 11

6. Wolfsburg 25 15 6 7 2 22 17 5

7. B. Moenchengladbach 24 15 6 6 3 28 24 4

8. Freiburg 23 15 6 5 4 28 24 4

9. Eintracht Frankfurt 23 15 5 8 2 25 23 2

10. Augsburg 19 14 5 4 5 16 19 -3

11. Stuttgart 18 14 4 6 4 26 21 5

12. Hertha Berlim 16 14 4 4 6 23 24 -1

13. Werder Bremen 15 15 3 6 6 17 24 -7

14. Hoffenheim 15 15 4 3 8 22 30 -8

15. Colônia 11 15 2 5 8 13 27 -14

16. Arminia Bielefeld 10 14 3 1 10 9 24 -15

17. Schalke 04 7 15 1 4 10 12 39 -27

18. Mainz 6 15 1 3 11 14 33 -19

bds/iga/mcd/aam