Scarpa se despede do Palmeiras: 'Esvaziar o quarto foi embaçado e tenso'

O jogador Gustavo Scarpa é homenageado com sessão de fotos com os troféus conquistados pela sua passagem pelo Palmeiras. (Foto: Cesar Greco/Palmeiras)


O meio-campista Gustavo Scarpa foi à Academia de Futebol esvaziar seu quarto e se despedir dos funcionários do Palmeiras. No Verdão desde 2018, o camisa 14, que atuará a partir do ano que vem no Nottingham Forest, da Inglaterra, e se despede do Verdão com oito títulos: duas Libertadores, dois Brasileiros, dois Paulistas, uma Copa do Brasil e uma Recopa Sul-Americana.

> Quais são os maiores hoje? Site antecipa Ranking Nacional de Clubes da CBF 2023. Veja a posição do seu time!

> Veja a tabela da Copa do Mundo 2022


- Hoje eu vi que está ficando sério esse negócio de despedida (risos). A ficha está começando a cair e é difícil expressar em palavras a gratidão que tenho a Deus e por todos os amigos que fiz aqui. Estou um pouco mais triste do que ontem, mas são ciclos e esvaziar o quarto foi embaçado e tenso - afirmou Scarpa.

O jogador somou 233 partidas com a camisa alviverde, com 136 vitórias e 44 gols marcados, com 59 assistências. Scarpa deixa o Verdão como o 62º atleta com mais partidas na história.

- Para mim é muito gratificante olhar para todos esses troféus e taças e conseguir lembrar de todos os momentos que passei em cada competição. Em algumas, comecei bem e depois tive momentos mais difíceis, mas é legal olhar o que consegui construir aqui no Palmeiras com todos os meus companheiros e funcionários. Isso aqui é uma coroação de todo um trabalho muito bem feito ao longo destes cinco anos - completou Scarpa.