Scarpa conta como avisou Abel que sairia e admite que última proposta do Palmeiras foi difícil de recusar

Gustavo Scarpa conquistou oito títulos pelo Palmeiras (Foto: Cesar Greco/Palmeiras)


O meio-campista Gustavo Scarpa fez sua última temporada com a camisa do Palmeiras antes de se mudar para a Inglaterra, local onde atuará pelo Nottingham Forest a partir de 2023. O camisa 14 do Verdão deixa o clube com status de ídolo e conta que a última proposta da diretoria mexeu com ele, mas que o sonho de atuar na Europa falou mais alto.

> Veja a tabela da Copa do Mundo 2022

> Mais um título! Veja quanto o Palmeiras já faturou em premiação com Abel Ferreira


- Eles me chamaram umas duas, três vezes, e na última foi difícil de recusar em questão de grana. Foi difícil, confesso. Mas entra naquela de experiência, e eu espero que essa experiência valha a pena porque, olha... - contou Scarpa, aos risos, em entrevista ao Desimpedidos.

Questionado sobre como contou ao técnico Abel Ferreira que deixaria o clube, Scarpa afirmou que ele preferiu contar ao comandante assim que assinou o pré-contrato.

- Eu que fui falar com o Abel. Logo no dia seguinte que eu assinei, antes de sair a notícia, eu avisei. O Abel já tinha falado que se fosse para a Grécia, ele achava melhor que eu ficasse no Palmeiras. Ele falou: 'cara, você merece mais. Não é teu lugar lá. Agora, se for para a Inglaterra, pode ir, vai com Deus e boa sorte' - afirmou o meia.

- Então, fui muito transparente com ele e ele me disse que enquanto eu tivesse contrato com o Palmeiras ele me trataria normal - completou.

Aos 28 anos, Scarpa se despede do Palmeiras com oito títulos: duas Libertadores, dois Brasileiros, dois Paulistas, uma Copa do Brasil e uma Recopa Sul-Americana. Agora, tem uma missão importante lá na Inglaterra: ajudar que seu novo clube a deixar as últimas posições da tabela da Premier League. Atualmente, o Nottingham Forest é o 18º colocado, o primeiro na zona de rebaixamento.

- Um dos meus maiores sonhos, desde criança, era jogar a Premier League. O Nottingham estava há 23 anos na Segunda Divisão, e eu com 28 anos de idade, jogando no Brasil, não me lembro de nenhum jogador com essa idade que tenha saído direto para a Premier League - avaliou o meia.

- Então, quando apareceu a oportunidade, veio na minha cabeça quando tentei sair para a Europa do Fluminense e não consegui por diversas razões... Quando chegou essa, eu muito decidido e convicto, aproveitei - finalizou Scarpa.