Scaloni considera fazer mudanças na lista de convocados da Argentina para a Copa

O técnico da seleção argentina, Lionel Scaloni, declarou nesta quarta-feira que estuda a possibilidade de realizar mudanças na lista dos 26 convocados para disputar a Copa do Mundo.

Em entrevista ao canal TyC Sports após a goleada da Argentina por 5 a 0 sobre os Emirados Árabes Unidos, o treinador disse que "alguns jogadores não estão cem por cento. Temos alguns probleminhas. Temos alguns dias para decidir quem estará na lista e sou sincero, não posso dizer que estão cem por cento, mas podemos fazer alterações. Esperamos que não, mas existe a possibilidade".

A vitória em Abu Dhabi, que garantiu a 36ª partida de invencibilidade dos argentinos e foi o último jogo de preparação para a Copa, não foi tão fácil para Scaloni.

"Foi um jogo incômodo para nós porque não foi fácil jogar uma semana antes do início do Mundial, havia riscos e, por isso, no intervalo fizemos alguns ajustes. Quando você sai para jogar, quer dar tudo e não pode falar para o jogador tirar a perna, mas o time tem jogado bem”, analisou.

As possíveis mudanças apontam para alguns jogadores que ficaram de fora do amistoso desta quarta-feira, entre eles o zagueiro Cristian Romero e o meio-campista Nicolás González, ambos com problemas musculares, enquanto Paulo Dybala está recuperado de uma lesão na perna esquerda que o deixou cinco semanas afastado dos gramados.

O regulamento estipula que, se necessário, cada seleção pode fazer mudanças na lista dos 26 jogadores até 24 horas antes de sua primeira partida no Mundial.

A 'Albiceleste' faz sua estreia na Copa no dia 22 de novembro, diante da Arábia Saudita.

Str/ol/yr/cb