São Paulo admite dívida milionária com Daniel Alves

Jorge Nicola
·1 minuto de leitura
Daniel Alves ganha R$ 1,5 milhão por mês e é o 2º jogador mais bem pago do país, só atrás de Gabigol (Getty Images)
Daniel Alves ganha R$ 1,5 milhão por mês e é o 2º jogador mais bem pago do país, só atrás de Gabigol (Getty Images)

O São Paulo tem uma dívida gigante com Daniel Alves, principal jogador do atual elenco. O Blog apurou que as pendências giram na casa dos R$ 14 milhões, embora o Tricolor só reconheça R$ 3 milhões em aberto - esse dinheiro se refere, entre outras coisas, ao adiamento de 50% dos salários para 2021.

Em razão dos impactos causados pela Covid-19, o São Paulo propôs ao elenco ao longo do ano passado o pagamento de metade dos vencimentos à vista e a outra metade a partir de março deste ano. Daniel Alves era contrário à ideia, mas acabou tendo de aceitá-la.

Porém, de acordo com uma fonte do Blog, o Tricolor também tem atrasado os pagamentos referentes às imagens, que representam a maior parte dos vencimentos do lateral/volante. Daniel Alves embolsa R$ 500 mil de salário e R$ 1 milhão em imagens. O problema é que o São Paulo não conseguiu parceiros para ajudar na quitação dessa parte maior.

No ano passado, a Dazn chegou a encaminhar um acordo com Tricolor e Daniel Alves. O jogador se tornaria uma espécie de garoto-propaganda da empresa, que faz transmissões online. Só que a crise mudou todos os planos da Dazn, que abriu mão do acerto e deixou clube e atleta na mão.

Caminhão de dinheiro: Além da bolada que deve, o São Paulo ainda tem mais R$ 39 milhões a pagar para Daniel Alves até o fim do contrato. É que o vínculo só termina em 31 de dezembro de 2022, ou seja, restam 26 meses de pagamento, incluindo 13º.