Santos vence o Corinthians e abre vantagem na final do Paulistão Sub-20

Ivonei, camisa 10 e capitão santista, foi o artilheiro do time na campanha do título (Foto: Divulgação/Santos FC)


O Santos abriu boa vantagem sobre o Corinthians no primeiro confronto decisivo do Paulistão Sub-20. O Peixe venceu os corintianos por 2 a 0, na noite desta sexta-feira, jogando na Arena Barueri, com mando do adversário. O lateral-esquerdo Kevyson e o meia Ivonei marcaram os gols do triunfo.

+ Haaland vira jogador mais valioso do mundo: conheça o top 30

A partida começou movimentada, com as duas equipes chegando ao gol adversário. O Timão foi ataque com Biro, Pedrinho e Arthur Souza, mas levou no último passe.

Já o Alvinegro Praiano respondeu com um chute cruzado de Fernandinho que passou para fora, com perigo, mas, na sequência, aos 15 minutos do primeiro tempo, chegou ao primeiro gol do jogo. Kevyson fez boa jogada pelo lado esquerdo, tentou o cruzamento, a bola desviou em Léo Maná e encobriu o goleiro Kauê.

Imediatamente, o Corinthians buscou a resposta, mas a finalização do atacante Arthur Souza parou na trave santista.

+ Confira a tabela do Brasileirão e simule os próximos jogos

O jogo seguiu equilibrado até o fim da etapa inicial, quando Matheus Araújo bateu de fora da área, o goleiro Edu Araújo, do Santos, espalmou, e a bola voltou para Biro, com o gol vazio, chutar para fora.

O segundo tempo começou da mesma forma que terminou o primeiro: com o Timão levando perigo. Léo Maná encontrou Matheus Araújo na área, e o meia corintiano parou duas vezes no goleiro rival.

No contra-ataque seguinte, o boliviano Miguelito finalizou e a bola encontrou o braço do defensor corintiano. Pênalti marcado e convertido por Ivonei, aos sete minutos da etapa final.

Após sofrer o segundo gol, o Corinthians se desesperou. Teve mais a bola, porém pouco criou. Em uma das raras chances, Arthur Souza aproveitou o rebote, após Edu Araújo espalmar uma cabeçada de Higor, mas o gol foi anulado por impedimento.

Corinthians e Santos voltam a se enfrentar no dia 12, num sábado, na Vila Belmiro. O Peixe pode até perder por um gol de diferença que será campeão paulista da categoria.