Santos joga mal, só empata com o La Calera e embola grupo na Sul-Americana

Chile's Union La Calera Esteban Valencia (L) celebrates with this teammate Argentine Sebastian Saez after scoring a goal against Brazil's Santos during their Copa Sudamericana group stage football match at the Nicolas Chahuan Municipal stadium, in La Calera, Chile, on April 28, 2022. (Photo by JAVIER TORRES / AFP) (Photo by JAVIER TORRES/AFP via Getty Images)
Chile's Union La Calera Esteban Valencia (L) celebrates with this teammate Argentine Sebastian Saez after scoring a goal against Brazil's Santos during their Copa Sudamericana group stage football match at the Nicolas Chahuan Municipal stadium, in La Calera, Chile, on April 28, 2022. (Photo by JAVIER TORRES / AFP) (Photo by JAVIER TORRES/AFP via Getty Images)

SANTOS, SP (UOL/FOLHAPRESS) - O Santos jogou mal e só empatou em 1 a 1 com o Unión La Calera-CHI nesta quinta-feira (28), em Viña Del Mar, pela terceira rodada da fase de grupos da Copa Sul-Americana. O clube alvinegro saiu na frente com Bryan Angulo, mas Valencia deixou tudo igual ainda no primeiro tempo.

Mesmo superior tecnicamente, o Peixe não conseguiu controlar a partida e sofreu demais com o gramado ruim do Estádio Sausalito. Os atletas escorregaram durante todo o tempo e erraram muitos passes.

Leia também:

Com o empate, o Unión La Calera assume a liderança do Grupo C da Sul-Americana, com cinco pontos. O Santos tem os mesmos quatro da Universidad Católica (EQU), mas fica atrás por causa do saldo de gols. O Banfield é o lanterna, com três.

O Santos voltará a campo para enfrentar o São Paulo na segunda-feira (2), no Morumbi, pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro. O próximo compromisso do Peixe na Sula será diante da Universidad, na quinta (5), em Quito.

O JOGO

Melhor tecnicamente, o Santos não conseguiu dominar o Unión La Calera. O gramado ruim e escorregadio, somado a muitos erros técnicos, fez o Peixe correr sempre atrás dos chilenos.

Com Léo Baptistão preservado por desgaste físico, Goulart teve nova oportunidade como titular. O camisa 10, mais uma vez, não brilhou, mas deu o passe para o gol de Angulo e colocou o centroavante outra vez na cara do gol no segundo tempo. Baptistão entrou no segundo tempo e desperdiçou chance clara para desempatar.

Meia de origem, Gabriel Pirani entrou como ponta pela esquerda no lugar de Jhojan Julio. O jovem exerceu essa função várias vezes na base, mas nunca no profissional. Ele foi razoável.

Estádio: Sausalito, em Viña Del Mar (CHI)

Árbitro: Ángel Arteaga (VEN)

Assistentes: Alberto Ponte e Francescholy Chacon (VEN)

Cartões amarelos: Passerini e Wiemberg (ULC). Eduardo Bauermann, Vinicius Zanocelo, Madson e Léo Baptistão (SFC)

Gols: Valencia, aos 25min do 1º tempo (UCL); Bryan Angulo, aos 9min do 1º tempo (SAN)

UNIÓN LA CALERA

Arce; Fernández (Orellana), Garcia e Vilches; Wiemberg, Valencia (Rodriguez), Pérez, Alárcon e Passerini; Castellani e Sáez. T.: Carlos Galdames (interino)

SANTOS

João Paulo, Madson, Maicon, Eduardo Bauermann e Lucas Pires; Rodrigo Fernández, Vinicius Zanocelo (Camacho), Ângelo (Lucas Braga) e Jhojan Julio (Gabriel Pirani); Ricardo Goulart (Sandry) e Bryan Angulo (Léo Baptistão). T.: Fabián Bustos

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos