Mulher de Pyong revela sintomas de depressão pós-parto: “Um momento”

Yahoo Vida e Estilo
Sammy e Jake, que completa um mês na próxima semana (reprodução / instagram @sammyofc)
Sammy e Jake, que completa um mês na próxima semana (reprodução / instagram @sammyofc)

Samy Lee está sendo bastante forte enquanto espera a volta de Pyong para casa. Confinado no reality show, ele abriu mão de estar com a mulher nos primeiros dias do filho, Jake, e até junto com ela na hora do parto para que tivesse visibilidade no trabalho que o casal faz há alguns anos.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

E nos siga no Google News: Yahoo Notícias | Yahoo Finanças | Yahoo Esportes | Yahoo Vida e Estilo

Em conversa com seguidores do Instagram, Samy contou mais sobre o parto e os primeiros dias do primogênito, que completa um mês na próxima semana. “Pari de pé, que nem índia”, revelou sobre o parto natural que escolheu.

Leia também

Mesmo natural, ela estava acompanhada por médicos e precisou da ajuda da episiotomia (ato cirúrgico de realizar um corte na área do períneo da mulher que aumenta o canal de parto). “Você tem a opção se quer que o médico corte antes ou se acontece naturalmente. Eu esperei acontecer. Mas foram só dois pontinhos que levei, já não sinto mais nada, está cicatrizado”, revelou. A prática é controversa e criticada por muitas mulheres.

A digital influencer também comentou sobre uma coisa comum a muitas mulheres: depressão pós-parto. “Teve um momento que eu estava inclinando para essa parte ruim, mas pedi para o meu pai sempre fazer uma lista de coisas boas na minha vida. Porque muitas vezes esquecemos do que é bom na vida da gente”, relatou.

Leia também