Sakkari elimina Swiatek, atual campeã de Roland Garros

·2 minuto de leitura
A grega Maria Sakkari celebra classificação inédita para as semifinais de roland Garros

A tenista grega Maria Sakkari, número 18 do mundo, surpreendeu ao vencer a polonesa Iga Swiatek (9ª), atual campeã de Roland Garros, nesta quarta-feira, avançando assim às semifinais do torneio francês.

Com um placar de 6 a 4 e 6 a 4 sobre Swiatek, Sakkari vai disputar pela primeira vez vaga numa decisão de Grand Slam e terá pela frente a tcheca Barbora Krejcikova (33ª), que mais cedo avançou de fase na competição em Paris ao eliminar a americana Coco Gauff por 7-6 (8/6) e 6-3.

Com a eliminação de Swiatek, esta edição de Roland Garros terá quatro semifinalistas que jamais disputaram uma final de um Grand Slam (nome dado aos quatro torneios mais importantes do circuito de tênis: Aberto da Austrália, Roland Garros, Wimbledon e US Open).

As outras novatas candidatas ao título feminino são a eslovena Tamara Zidansek (85º) e a russa Anastasia Pavlyuchenkova (32º), que se enfrentam na quinta-feira pela vaga na final, a ser disputada no sábado.

Na era do tênis Aberto, há apenas um precedente no qual quatro jogadores chegaram à semifinal do Grand Slam pela primeira vez: foi no Aberto da Austrália em 1978.

No jogo pelas quartas de final desta quarta, depois de perder o primeiro set, Swiatek solicitou atenção médica por conta de problemas musculares em sua coxa direita e jogou o resto da partida com um curativo.

A tenista da Grécia foi mais consistente, principalmente no serviço, e conquistou mais pontos que a rival (69 a 54).

Sakkari se torna a primeira grega a chegar a uma semifinal em Roland Garros, fase da competição no saibro que também terá seu compatriota Stefanos Tsitsipas, que garantiu a vaga na terça-feira ao derrotar o russo Daniil Medvedev.

"Estou sem palavras. É um sonho que se tornou realidade", disse Sakkari ao fim do encontro."

"Há um longo caminho a percorrer, mas demos um passo importante hoje", concluiu a grega.

Já a tcheca Barbora Krejcikova, de 26 anos e número 33 da WTA, teve dificuldades para superar Gauff, de 17 anos e 25ª no mundo.

A americana dominou o primeiro set, alcançando a vantagem do break em duas ocasiões (0-3 e 3-5), mas desperdiçou as oportunidades que teve para fechar o primeiro set, vencido pela tcheca no 'desempate'.

A americana seguiu mal na partida, chegando a perder por 5 a 0 no segundo set, quando percebeu que o nervosismo tomou conta de Krejcikova, que precisava de seis bolas para encerrar a partida.

A tcheca, que também está nas semifinais nas duplas femininas com sua compatriota Katerina Siniakova, conseguiu se recuperar e acabou se classificando pela primeira vez para uma semifinal de Grand Slam, acumulando assim um série de 10 vitórias consecutivas, já que chegou a Paris após conquistar o título em Estrasburgo.

mcd/psr/iga/lca