Saiba quem será o chefe da delegação da Seleção Brasileira na Copa do Mundo do Qatar


O presidente da CBF (Confederação Brasileira de Futebol), Ednaldo Rodrigues, será o chefe de delegação da Seleção Brasileira na Copa do Mundo do Qatar. A escolha foi anunciada por Juninho Paulista, coordenador da Seleção Brasileira, na última segunda-feira, dia da convocação dos 26 jogadores que disputarão o Mundial.


> Seleção convocada! Veja os escolhidos de Tite para a Copa
> Veja a tabela da Copa do Mundo-2022 clicando aqui

A decisão foi tomada pela comissão técnica e o convite foi feito a Ednaldo, que agradeceu e prometeu apoio total para que nada falte ao time brasileiro durante a competição no Oriente Médio.

- É um orgulho ser o chefe da delegação na Copa do Mundo. A minha missão é não deixar faltar nada ao trabalho de excelência que será feito pelos atletas e todos os integrantes da comissão técnica. Vou trabalhar incansavelmente para apoiar toda a delegação na disputa do Mundial - declarou o dirigente ao site oficial da CBF.

Um dos critérios adotados pela comissão técnica da Seleção Brasileira para escolher Ednaldo Rodrigues foi a importância do torneio disputado no Qatar, além de ser uma Copa "compacta", em que as distâncias são pequenas e permitem o fácil deslocamento.

- Nós entendemos que pela grandeza da competição, o dia a dia institucional teria de ser representado pelo nosso ambiente. Fizemos esse pedido a ele e esse pedido foi acatado. Com muita honra e prazer, anuncio o nosso chefe de delegação, o presidente da CBF Ednaldo Rodrigues - disse Juninho Paulista na última segunda-feira.

Ednaldo Rodrigues - presidente CBF
Ednaldo Rodrigues - presidente CBF

Ednaldo Rodrigues foi o escolhido (Foto: Lucas Figueiredo/CBF)

É a primeira vez desde 1982 que um presidente da CBF assume o posto de chefe de delegação da Seleção Brasileira em uma Copa do Mundo. Na Espanha, o responsável pelo cargo foi Giulite Coutinho.

A estreia brasileira está marcada para o dia 24 de novembro, quinta-feira, às 16h, contra a Sérvia. O início da preparação será na próxima segunda-feira, em Turim, no CT da Juventus. Serão cinco dias de atividades na Itália até a viagem para o Qatar, no dia 19. Além da Sérvia, o Brasil está no Grupo G ao lado de Suíça e Camarões.

Confira quem foram os chefes de delegação do Brasil em Copas:

2018 - Rogério Caboclo (diretor da CBF e presidente eleito)
2014 - Vilson Ribeiro de Andrade (presidente do Coritiba)
2010 - Andrés Sanchez (ex-presidente do Corinthians)
2006 - Marco Polo Del Nero (presidente da Federação Paulista de Futebol)
2002 - Weber Magalhães (presidente da Federação de Futebol do DF)
1998 - Fábio Koff (presidente do Clube dos 13 e ex-presidente do Grêmio)
1994 - Mustafá Contursi (presidente do Palmeiras)
1990 - Eurico Miranda (vice-presidente do Vasco)
1986 - Nabi Abi Chedid (vice-presidente da CBF)
1982 - Giulite Coutinho (presidente da CBF)
1978 - André Richer (diretor da CBF)
1974 - Coronel Eric Tinoco Marques (comandante da Escola de Educação Física do Exército)
1970 - Brigadeiro Jerônimo Bastos (presidente do Conselho Nacional de Desportos)
1966 - João Havelange (presidente da CBD)
1962 - Paulo Machado de Carvalho (ex-presidente do São Paulo)
1958 - Paulo Machado de Carvalho (ex-presidente do São Paulo)
1954 - João Lyra Filho (ex-presidente do Conselho Nacional de Desportos)
1950 - Mário Pollo (presidente em exercício da CBD)
1938 - Dr. José Maria Castello Branco (também médico da delegação)
1934 - Lourival Fontes (ministro da propaganda do governo Getúlio Vargas)
1930 - Afrânio Antônio da Costa (primeiro medalhista olímpico do Brasil)