Saiba quem é o reserva da Austrália que trocou camisa com Messi

Cameron Devlin trocou camisa com Lionel Messi na zona mista, após o jogo entre Argentina e Austrália. Foto: Mark Metcalfe - FIFA/FIFA via Getty Images
Cameron Devlin trocou camisa com Lionel Messi na zona mista, após o jogo entre Argentina e Austrália. Foto: Mark Metcalfe - FIFA/FIFA via Getty Images

Lionel Messi vem mostrando excelente forma na Copa do Catar e foi o principal nome da Argentina marcando um gol na vitória por 2 a 1 sobre a Austrália nas oitavas de final.

Ele abriu o marcador após receber um passe do zagueiro Nicolas Otamendi e chutou suavemente no canto inferior esquerdo para anotar seu nono em Copas do Mundo.

Leia também:

Foi seu 789º gol na carreira em todas as competições, sendo a Austrália o 129º adversário diferente contra o qual ele marcou.

Os números do astro do PSG explicam um vídeo viralizou nas redes sociais após o confronto contra o país a Oceania, mostrando alguns jogadores australianos seguindo Messi e tirando selfies com ele no banco.

A novidade é que o australiano Cameron Devlin, reserva dos “Socceroos”, recebeu a camisa do capitão argentino após o confronto. Em entrevista à FOX Sports, o meio-campista contou como tudo aconteceu.

"Entrei [no campo] e consolei todos meus companheiros primeiro e depois apertei a mão de Messi. Ninguém havia dito nada, então apenas tentei a sorte e ele disse: 'Te vejo lá dentro’, e foi o que aconteceu. Eu definitivamente queria que um dos meus companheiros tivesse a oportunidade primeiro, mas ninguém aproveitou, então pensei por que não?”, contou o eufórico australiano.

Questionado sobre o fato de saber que Messi terá a camisa com seu nome, Devlin disse que não se importa com o que o argentino vai fazer.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

"Eu não sei se vai estar na parede dele em casa ou talvez ainda no chão naquele vestiário, mas não estou preocupado. O mais importante é que eu peguei a dele. Fiquei surpreso que ele até pegou a minha. Ele deve ter pensado 'não sei quem é, mas ele é um cara legal o suficiente e um cara humilde o suficiente para ainda mostrar esse respeito, e isso obviamente é super legal, mas eu não estava muito preocupado com o que minha camisa estava fazendo naquela fase", seguiu.

Os sul-americanos agora enfrentarão a Holanda nas quartas de final em jogo marcado para sexta-feira (9) no Lusail Stadium. A Holanda derrotou os Estados Unidos nas oitavas de final e o técnico Louis van Gaal busca vingança. Ele foi o técnico holandês na Copa do Mundo de 2014, realizada no Brasil, onde a Argentina os derrotou os europeus nos pênaltis e avançou para a grande decisão.