Saiba quanto o Palmeiras vai economizar com rescisão de Ramires

Jorge Nicola
·2 minuto de leitura
Ramires deixa o Palmeiras depois de 43 jogos e um gol marcado (Cesar Greco/Palmeiras)
Ramires deixa o Palmeiras depois de 43 jogos e um gol marcado (Cesar Greco/Palmeiras)

A rescisão do contrato de Ramires com o Palmeiras garantiu uma boa e uma má notícia. A boa: o Verdão economizará cerca de R$ 20 milhões em salários com a saída do volante. A má é que Ramires ainda terá direito a aproximadamente R$ 10 milhões, que serão pagos nos próximos meses.

Ramires tinha contrato com o Verdão até junho de 2023. Como seu custo mensal gira na casa dos R$ 10 milhões, é possível afirmar que ele embolsaria R$ 30 milhões se cumprisse o vínculo até o último dia. A diretoria alviverde havia deixado claro desde o início das conversas que não pagaria tudo em hipótese alguma.

O Blog apurou que Ramires andava extremamente chateado por ser chamado de mercenário por torcedores do Palmeiras. Até por isso, concordou em abrir mão de 2/3 daquilo que receberia do clube - vários atletas, como Guerra, se recusaram a romper antes do fim do contrato, ao contrário de Ramires.

Outra informação importante: Palmeiras e Ramires haviam chegado a um acordo sobre a rescisão há mais de um mês. Porém, com a contusão de Felipe Melo e o surto de Covid no elenco alviverde, combinou-se que o volante ficaria mais algum tempo. Não à toa, ele escreveu recentemente em sua rede social que o torcedor não precisaria se incomodar, porque os problemas logo acabariam.

Nas últimas horas, Ramires teve seu nome especulado no Cruzeiro. Uma pessoa próxima ao volante assegurou que não há conversa com qualquer clube e que, no momento, ele só pensa em descansar, para depois definir seu futuro.

No mercado, há até quem garanta que Ramires cogita a possibilidade de abandonar o futebol de vez aos 33 anos de idade. O staff do atleta nega.