Sadio Mané é cortado da Copa do Mundo por lesão

Federação Senegalesa de Futebol confirmou corte de Mané por lesão.
Federação Senegalesa de Futebol confirmou corte de Mané por lesão. Foto: (Stefan Matzke - sampics/Corbis via Getty Images)

Ainda em processo de recuperação da lesão sofrida no começo do mês, quando machucou a a sua fíbula da perna direita, o atacante Sadio Mané, principal jogador da Seleção de Senegal, teve seu corte da Copa do Mundo do Catar, que será realizada entre os dias 20 de novembro e 18 de dezembro deste ano, confirmado por oficiais da Federação Senegalesa de Futebol na tarde desta quinta-feira.

Em vídeo publicado no perfil oficial da FSF no Twitter, foi informado que o atacante não terá condições de jogo para o Mundial e terá de assistir seus companheiros pela televisão.

Leia também:

Senegal buscou feitiços para curar Mané para a Copa do Mundo

Secretária-geral da FIFA, a senegalesa Fatma Samoura concedeu entrevista à Europe 1, rádio francesa, onde revelou que feiticeiros serão utilizados para que 'milagres' sejam feitos e Mané possa jogar a Copa: "Vamos usar feiticeiros. Não sei (se é eficaz), mas, neste caso, vamos usá-los de qualquer maneira. Esperamos milagres. Ele tem que estar lá (na Copa)". Os diferentes métodos utilizados, porém, não foram eficazes.

Grande reforço do Bayern de Munique para a temporada, Mané deixou o campo na goleada por 6 a 1 dos bávaros para cima do Werder Bremen e teve a lesão na fíbula detectada. O clube alemão informou a lesão e, junto no comunicado, revelou que o camisa 10 de Senegal passará por novos exames com o objetivo de entender melhor a sua condição física. Manuel Afonso, médico responsável pela Seleção de Senegal, chegou a viajar até a Alemanha para que a extensão da lesão de Mané pudesse ser avaliada de forma mais precisa.