Saída de Brenner faz São Paulo alcançar quase 50% da meta de vendas nesta temporada

Gabriel Santos
·1 minuto de leitura


O São Paulo causou surpresa ao vender o atacante Brenner, artilheiro do time na temporada com 22 gols. O jogador, revelado em Cotia, acertou sua ida ao FC CIncinnati, dos Estados Unidos, por cerca de R$ 81 milhões. Essa venda fez o Tricolor alcançar 46% da meta prevista no orçamento em vendas de jogadores.

Em dezembro, o Conselho Deliberativo do São Paulo aprovou, por 174 votos a favor e apenas quatro contra, o orçamento para a temporada de 2021. Os planos são de arrecadação de R$ 460,7 milhões e de despesas de R$ 448,2 milhões – R$ 176 milhões do arrecadado seriam em vendas de atletas.

Ou seja, com a transferência de Brenner, o clube alcançou quase a metade do planejado para essa questão. A diretoria, comandada pelo presidente Julio Casares, terá que arrecadar mais R$ 95 mi em vendas para chegar aos valores desejados no orçamento.

Para isso, alguns jogadores são vistos como bons nomes no mercado, como os meias Igor Gomes e Gabriel Sara, além do atacante Toro, que já foi procurado por um clube português, mas as negociações não avançaram.