Sóbis elogia partida do Cruzeiro e critica arbitragem: "Gabriel deveria ter sido expulso"

Equipes se enfrentam em partida da décima primeira rodada da Série A 2017

Bom jogo, emoção e polêmica. Atlético-MG e Cruzeiro não saíram do 0 a 0 na tarde deste domingo (30), no jogo de ida da final do Campeonato Mineiro. Os dois times criaram oportunidades, sendo as melhores pelo lado alvinegro, apesar da Raposa, no geral, ter sido melhor na partida.

O Galo, com a vantagem de empatar os dois jogos para ser campeão, jogou com o regulamento debaixo do braço, e conseguiu a igualdade nesta tarde atuando de forma mais defensiva. O fato rendeu reclamações de Rafael Sóbis, que elogiou a atuação celeste e também criticou a arbitragem.

"Foi muito injusto, só um time jogou. Eles vieram para se defender, só tiveram uma chance ali no fim, em jogada de escanteio. Em bola parada é normal. Mas acho que foi um jogo bom, o time jogou bem", avaliou.

"O juiz poderia ter expulsado o Gabriel, que tomou um amarelo e fez muitas faltas. Teve o carrinho de frente, em que o Elber ia para dentro do gol. Então, se não é expulsão, que se mude a regra que fica mais fácil", detonou.

Com o empate no Mineirão, o Cruzeiro precisa bater o Atlético-MG, no jogo de volta, no próximo domingo, no Independência, para ser campeão mineiro.