Sérgio Batista Coelho e José Murilo Procópio serão candidatos à presidência do Atlético-MG

Valinor Conteúdo
·2 minuto de leitura


A chapa "Galo Sempre Forte” oficializou nesta sexta-feira, 13 de novembro, a candidatura de Sérgio Batista Coelho e de José Murilo Procópio para presidente e vice-presidente, respectivamente, do Atlético-MG para o triênio 2021-2023. Com experiências no futebol e nas áreas administrativas, candidato e vice têm o respaldo da maioria dos conselheiros e contam com apoio das principais lideranças do clube.

A candidatura da dupla foi confirmada um dia depois que Sérgio Sette Câmara, atual mandatário do alvinegro, revelou que não tentaria a reeleição, alegando questões pessoais, mas também pelo desgaste interno que ocorre no clube atualmente com várias correntes políticas em atrito.

Sérgio Coelho defende um processo de gestão participativo e moderno caso seja eleito.

-Somos um grupo que assumiremos juntos, e com firme propósito de implementar uma governança transparente e de resultados-disse.

De acordo com o presidenciável, as diretrizes vão privilegiar ações em quatro direções, todas com o propósito de colocar o Atlético entre as grandes potências do futebol nacional: 1) formar elencos competitivos para disputar competições nacionais e internacionais com protagonismo; 2) aprofundar o processo de reestruturação administrativa e financeira do clube; 3) inaugurar a Arena MRV; 4) investir fortemente nas categorias de base, a fim de torná-la referência internacional e reveladora de talentos.

Sérgio Coelho tem 60 anos, é formado em Administração e atua como gestor há 34 anos. Exerceu por oito anos a função de dirigente não-remunerado no Atlético. Em parte desses anos, assumiu o cargo de vice-presidente durante a gestão de Nélio Brant e Ricardo Guimarães, período ao qual atribui grande aprendizado sobre os bastidores do futebol. Foi também durante sua passagem como dirigente que o Galo alcançou o vice-campeonato Brasileiro de 99, além da construção e inauguração da “Cidade do Galo”.

O candidato destaca ainda a importância de o grupo eleito ter o apoio da torcida.

-Vamos trabalhar para fazer uma gestão assertiva e que aglutine as pessoas- afirmou Sérgio. A eleição do Galo ocorrerá no dia 11 de dezembro, sexta-feira, das 8h às 17h, no auditório do Clube Labareda, no bairro Itapoã.